NOTÍCIA ANTERIOR
Associação diz que pizza ''genuinamente italiana'' está ameaçada
PRÓXIMA NOTÍCIA
Cada montanha, uma emoção
DATA DA PUBLICAÇÃO 03/07/2014 | Turismo
Voos para cidades dos jogos das quartas da Copa já são raros e caros
G1 levantou informações para voos partindo de São Paulo, Rio e Brasília.

Para o jogo do Brasil, nesta sexta, a única opção é viajar na véspera.


Os moradores de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília que conseguiram ingresso para o jogo entre Brasil e Colômbia, pelas quartas-de-final da Copa do Mundo, mas ainda não compraram a passagem de avião para Fortaleza, terão uma má surpresa. Uma busca feita pelo G1 por meio do buscador Decolar.com mostra que quase não há opções de voos entre a tarde desta quarta-feira (2) e as horas antes do apito inicial no Estádio do Castelão, em Fortaleza, onde acontece a partida a partir das 17h desta sexta-feira (4).

A situação é quase tão crítica nos jogos entre Alemanha e França, no Rio, às 13h desta sexta, entre Argentina e Bélgica, às 13h do sábado (5), em Brasília, e entre Holanda e Costa Rica, às 17h de sábado em Salvador.

As raras opções saem, em muitos casos, por preços mais altos que os dos valores dos ingressos. O levantamento considera apenas o preço da passagem, sem o valor extra cobrado por taxas, encargos ou tarifas.

Voos antes do jogo do Brasil
Para chegar a Fortaleza a tempo de ver a partida, quem está em São Paulo só tinha uma opção disponível nesta quarta-feira (2): um voo com escala que dura sete horas e sai às 19h54 de São Paulo e chega às 3h. O preço, sem as taxas e encargos, é de R$ 1.299. Na sexta-feira, não há opções de voo saindo de São Paulo que chegue à capital cearense a tempo da partida.

Quem está no Rio e tem entradas para ver de perto o Brasil de Neymar enfrentar a Colômbia de James Rodríguez também vai ter que gastar com hotel e viajar na véspera. Até as 18h desta quarta-feira, havia seis voos com assentos disponíveis para a quinta-feira, com preço variando entre R$ 999 e R$ 1.998 (sem incluir as taxas e encargos).

Já quem mora em Brasília e conseguiu ingresso para essa partida da Copa precisará usar outro meio de transporte –não há mais voos com assento à venda entre Brasília e Fortaleza entre esta quarta e a manhã de sexta-feira.

Além de buscar hospedagem na véspera do jogo do Brasil, os viajantes de São Paulo e Rio também precisarão dormir em Fortaleza pelo menos por uma noite após a partida, já que não há voos disponíveis a partir das 20h de sexta-feira. Para a volta de Fortaleza a São Paulo, há opções de passagens no sábado por valores entre R$ 1.107 e R$ 2.000 (sem as taxas). No domingo, o preço sobe para pelo menos R$ 1.738. No caso do Rio, no sábado há apenas uma opção, às 4h30 da madrugada, ao preço de R$ 1.580. No domingo, todos os voos estão lotados.

Para ver a Alemanha enfrentar a França
O outro jogo das quartas-de-final na sexta-feira é entre Alemanha e França, às 13h no Maracanã. Quem pretende sair de São Paulo para o Rio na quinta-feira conseguir achar, no fim da tarde desta quarta, várias opções de voo a partir de R$ 412 (com escala) e R$ 637 (sem escala). Na sexta-feira, as opções de voos matutinos, que chegam ao Rio a tempo de o passageiro correr para o estádio, não saem por menos de R$ 560, e podem chegar a R$ 1.307. Na volta, há diversas opções para os torcedores, a preços a partir de R$ 300, considerados baixos, na comparação com o período.

De Brasília para o Rio, havia 14 horários de voos para sexta-feira à venda no site na faixa entre R$ 625 e R$ 1.299 (sem as taxas e encargos). Na quinta, o preço é um pouco mais baixo, começando a partir de R$ 605.

No sábado, o primeiro jogo das quartas acontece em Brasília às 13h. Quem está em São Paulo, tem ingresso para Argentina x Bélgica e ainda não arrumou passagem tem algumas opções na sexta, mas o site indicada que vários dos voos só tinham um único assento sobrando. O valor variava entre R$ 692 e R$ 1.708. No dia da partida, há sete opções de voos que chegam antes do início da partida, mas seis delas chegavam ao aeroporto entre 12h20 e 12h30, tornando a chegada ao estádio no mínimo emocionante.

A volta também tem opções escassas: no mesmo dia do jogo, há três horários disponíveis, mas um deles prevê a decolagem para as 17h22. Isso quer dizer que, se a partida for para os pênaltis, será preciso escolher entre ficar até o final e não perder o voo para casa. No domingo, há mais opções, mas nenhuma sai por menos de R$ 1.000.

Os moradores do Rio que querem ir a Brasília ver a partida no estádio precisam viajar na véspera e desembolsar pelo menos entre R$ 960 e R$ 2.041, além das taxas e encargos. No sábado, já não há mais opções. Para voltar, a única opção viável para aproveitar o jogo até o fim, incluindo a prorrogação e os pênaltis, é pegar um voo no dia seguinte, já que o sábado não oferece alternativas. O preço do único horário no domingo era R$ 1.299.

Salvador
Quem quer fazer um bate-e-volta de São Paulo a Salvador, onde no sábado (5) a Holanda enfrenta a Costa Rica às 17h, só tinha quatro opções de horários de voo no fim da tarde desta quarta, com valores entre R$ 689 e R$ 999. Na véspera, para os que topam pagar a mais pela hospedagem, há mais opções, mas com preços mais salgados, entre R$ 999 e R$ 2.598 sem as taxas. A volta, para os paulistas que queiram ir ao estádio, precisa ser adiada para o domingo, único dia do fim de semana com assentos em voos à venda (eram seis, às 18h desta quarta, por R$ 999).

Do Rio para Salvador, também há voos disponíveis para a sexta, mas no sábado não havia opções de compra de passagens em viagens que chegam à capital baiana com antecedência suficiente para que o torcedor vá do aeroporto ao estádio. Na volta, havia uma opção na noite de sábado por R$ 1.289 e dois lugares disponíveis em um voo no domingo, por R$ 999.

Por G1, em São Paulo
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Gerais - Clique Aqui
As últimas | Turismo
18/09/2018 | Brasileiros precisarão de autorização de viagem para entrar na Europa a partir de 2021
17/09/2018 | Halloween Horror Nights 2018, do Universal Orlando, já está aberto
31/08/2018 | Campos do Jordão para crianças
As mais lidas de Turismo
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6198 dias no ar.