NOTÍCIA ANTERIOR
Obra do teleférico é desfeita em Ribeirão
PRÓXIMA NOTÍCIA
Grande ABC terá perda real de receita em 2018
DATA DA PUBLICAÇÃO 23/06/2017 | Política
Volks assegura Virtus para planta de São Bernardo a partir de 2018
Volks assegura Virtus para planta de São Bernardo a partir de 2018 Foto de divulgação
Foto de divulgação
A Volkswagen confirmou que, além do novo Polo, a planta de São Bernardo vai fabricar o Virtus, sedan anunciado em março, no Salão de Genebra, na Suíça. A produção do Polo tem início previsto para setembro, enquanto a construção do Virtus vai começar no primeiro semestre do ano que vem.

A informação foi repassada ontem pela direção da montadora – em especial pelo chefe de relações da América do Sul da Volkswagen, Hartmut Blum – à comitiva da Prefeitura de São Bernardo que viajou nesta semana para a Alemanha. A gestão já estima impacto positivo em toda cadeia automotiva da cidade e também na arrecadação municipal.

Bem como o novo Polo, o Virtus será feito na plataforma MQB, conceito mundial adotado pela Volks, o que permite a venda de automóveis produzidos no Brasil em todo o planeta. A fábrica da Via Anchieta passa por processo de adequação da linha de produção para receber essa tecnologia. A meta é produzir 1.100 veículos diários (de todos os modelos) na unidade.

“É uma conquista importantíssima para São Bernardo. Além de garantir os empregos da Volks na cidade, afasta qualquer possibilidade de saída da montadora de São Bernardo”, disse o prefeito Orlando Morando (PSDB), que viajou a Wolfsburg, no Centro-Norte da Alemanha, ao lado dos secretários de Desenvolvimento Econômico, Hiroyuki Minami (PSDB), e de Comunicação, Thais Santiago.

Atualmente são 9.163 trabalhadores na planta da Via Anchieta. A expectativa inicial é de manutenção desses postos de trabalho na filial de São Bernardo. “Deve gerar otimismo em toda cadeia produtiva, na fabricação de autopeças, aumento de arrecadação via ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços). Mostramos a cara do governo local, de como o poder público pode ajudar o setor privado”, estimou Morando.

“Estamos construindo a Volkswagen do futuro. Estamos reposicionando nossa marca e preparando o lançamento de grandes novidades, com foco total no cliente. Fizemos no ano passado uma das maiores reestruturações da Volkswagen desde sua instalação no Brasil. Mais do que um carro, o novo Polo marca também o lançamento de uma nova Volkswagen no País”, relatou David Powels, presidente da Volks no Brasil, em comunicado à imprensa.

Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, Rafael Marques enalteceu o trabalho da entidade no diálogo pela manutenção dos empregos e celebrou a confirmação do novo Polo e do Virtus para a cidade. “Coloca a planta da Via Anchieta na rota de investimentos da Volkswagen. Fora todo impacto para os terceiros, como fornecedores.”

O novo modelo da montadora alemã faz parte de plano global de investimentos estimado em R$ 7 bilhões, somente no Brasil, até 2020.

Desbloqueio de ICMS à montadora é próximo passo

Com a garantia da fabricação do novo Polo e do Virtus na planta de São Bernardo da Volkswagen, a expectativa agora é de liberação de créditos retidos de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) para a filial da montadora no Grande ABC. Na próxima semana, o prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), formalizará o pleito para que recursos oriundos da diferença das alíquotas do ICMS praticadas durante a produção e venda dos veículos possam ser desbloqueados, gerando receita extra para a Volks da cidade.

Ontem, durante reunião com diretores da Volkswagen em Wolfsburg, na Alemanha, Morando apresentou vídeo gravado pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB) no qual o tucano aponta para olhar atencioso do Estado para a empresa alemã. Morando também veiculou gravação do prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB).

“Quero destacar a importância da Volkswagen, desde 1953 no Brasil e aqui em São Paulo. Sucesso, sinônimo de excelência, de inovação, de qualidade. É marca querida pelos brasileiros e brasileiros do Estado. Expectativa para planta de São Bernardo, importantíssima, há grande rede de fornecedores na região, e São Paulo é parceiro de quem investe no nosso Estado, criando emprego, oportunidades de renda e ajudando o Brasil em seu crescimento”, disse Alckmin em seu depoimento.

Morando também estima o avanço de uma ampla reforma tributária municipal, como forma de auxílio ao setor privado em troca de geração de empregos. “Vamos propor uma lei de incentivos fiscais na cidade, para abertura de postos de trabalho.”

Produção do Gol vai passar para a unidade de Taubaté

O anúncio do novo Polo e do Virtus para a fábrica de São Bernardo fez a Volkswagen transferir para Taubaté a produção do Gol. A planta da Via Anchieta ficará responsável, a partir do segundo semestre, pela fabricação do Polo, do Virtus (esse a partir do ano que vem) e do Saveiro. Para isso, a empresa dará férias coletivas aos funcionários.

Segundo o presidente eleito do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, Wagner Santana, o Wagnão, os colaboradores já foram informados de que haverá período de descanso a partir de agosto para ajuste dos últimos detalhes para que a planta da Via Anchieta receba a nova tecnologia empregada nos futuros modelos.

“Em agosto a fábrica da Via Anchieta para sua produção e nesse mês a produção do Gol vai para Taubaté. As linhas de produção estão prontas para receber o conceito MQB dos novos modelos, mas esse período (de férias coletivas) servirão para os ajustes que precisam ser feitos sem que a fábrica esteja em seu pleno funcionamento”, comentou Wagnão.

O Gol não é fabricado com o módulo MQB. “É um carro feito no Brasil e que só será vendido no Brasil. Os demais (novo Polo e Virtus) terão plataformas mundiais. Por isso que não continuará mais na planta da Via Anchieta (a produção do Gol)”, emendou o dirigente sindical.

Sindicato relembra diálogo no passado

Presidente eleito do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, Wagner Santana, o Wagnão, relembrou a atuação da entidade sindical nas negociações com a Volkswagen para manutenção dos empregos e chegada de novos produtos para a planta da Via Anchieta. Ele rememorou que o diálogo se intensificou justamente durante o período de crise econômica e que a mesa de negociação foi fundamental para que o plano de investimento anunciado pela montadora alemã se tornasse factível.

“Lançamento não acontece de um dia para o outro. Começou em 2014, com a discussão da vinda da plataforma MQB, e intensificou quando a Volks havia anunciado a demissão de 800 funcionários por telegrama. Revertemos as demissões ao garantir a plataforma MQB. Em 2016 houve ajuste no acordo selado em 2015 porque a crise continuou. Existiram preocupação e atuação do sindicato”, assegurou.

Segundo Wagnão, a chegada do novo Polo e do Virtus vai assegurar os empregos já existentes e será vital para remodelação na planta da Via Anchieta com a saída dos funcionários que aderiram ao PDV (Programa de Demissão Voluntária) e que estão para se aposentar. “É acordo inédito de estabilidade, que vale até 2021. Ao contrário do passado, principalmente entre 1996 e 1997, não há risco do fechamento da planta. A conversa está dada.”

Presidente da Volks no País, David Powels também rememorou todo diálogo do passado que permitiu o anúncio dos veículos ontem. “Entre as ações, em todas as fábricas, foram firmados acordos trabalhistas com os sindicatos, com validade pelos próximos cinco anos, que permitiram redução de custos, readequação de efetivo e aumento de nossa flexibilidade. A Volkswagen é a primeira a firmar acordos de cinco anos em todas as suas unidades. Graças a uma relação madura com os sindicatos não tivemos nesse processo de negociação nenhum dia de greve. O Sindicato dos Metalúrgicos do ABC teve uma atuação de vanguarda na construção deste modelo de acordo com a Volkswagen”, disse, em nota.

Wagnão também comemorou o reaquecimento da cadeia automotiva de São Bernardo. Ele citou que houve movimento positivo nas empresas de ferramentaria e agora há boas perspectivas para as companhias de autopeças. “Empresas que nos procuram se dizem aliviadas com a Volkswagen.”

Por Raphael Rocha - Diário do Grande ABC
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Gerais - Clique Aqui
As últimas | Política
25/09/2018 | Bolsonaro inicia dieta branda e faz caminhada fora do quarto, diz boletim
21/09/2018 | Bolsonaro diz nunca ter cogitado volta da CPMF e fixa postagem no seu Twitter
20/09/2018 | Ibope: Em São Paulo, Bolsonaro se isola com 30% das intenções de voto
As mais lidas de Política
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6234 dias no ar.