NOTÍCIA ANTERIOR
Ribeirão Pires restabelece iluminação em trevos da Tibiriçá
PRÓXIMA NOTÍCIA
Fondue é ritual de inverno na região
DATA DA PUBLICAÇÃO 14/7/2017 | Setecidades
União libera R$ 7,4 mi para Saúde da região
União libera R$ 7,4 mi para Saúde da região Foto de divulgação
Foto de divulgação
O Ministério da Saúde anunciou ontem o repasse de R$ 7,4 milhões para seis municípios do Grande ABC – Diadema não foi contemplado – para qualificação de serviços da Atenção Básica.

A medida, resultado da economia obtida nesta gestão pelo governo federal e que tem possibilitado reverter os recursos integralmente aos usuários do SUS (Sistema Único de Saúde), prevê na região a manutenção no quadro de agentes comunitário e também de equipes de Saúde da Família.

Segundo o ministro da Saúde, Ricardo Barros, os recursos se referem a portarias que estavam pendentes havia três anos. “Hoje (ontem) colocamos em dia todas as portarias da Atenção Básica que estavam represadas desde 2014. Estamos absolutamente em dia com todos os compromissos de coparticipação do Ministério da Saúde com os Estados. Estamos garantindo segurança para os usuários com essas medidas”, destacou o ministro.

Dos seis municípios contemplados no Grande ABC, Ribeirão Pires será responsável por receber a maior fatia do investimento. Serão R$ 3,6 milhões para habilitação de 34 equipes de Saúde da Família.

Neste caso, está previsto que cada grupo seja composto por equipe multiprofissional que possui, no mínimo, um médico e um enfermeiro generalista, além de um auxiliar e/ou técnico de enfermagem e agentes comunitários de Saúde.

Em Mauá, onde a União promete empenhar R$ 1,6 milhão, o recurso será destinado para a habilitação de sete núcleos de apoio à Saúde da Família. São Caetano receberá R$ 240 mil para a mesma finalidade, no entanto, no município só será habilitado um único núcleo.

Ainda estão previstos repasses para Santo André, na ordem de R$ 572 mil, para habilitação de nova equipe de Atenção à Saúde Prisional; São Bernardo, que receberá R$ 898,7 mil para manutenção de 23 novas equipes de Saúde Bucal; e Rio Grande da Serra, no valor de R$ 553,6 mil, para habilitar 42 agentes comunitários de Saúde.

Segundo o Ministério da Saúde, em todo o País serão 1.787 municípios beneficiados com o repasse de R$ 1,7 bilhão. Do total de recursos, R$ 771,2 milhões serão investidos anualmente na Atenção Básica, principal porta de entrada para o SUS. O recurso servirá para custeio de 12.138 agentes comunitários de Saúde, 3.103 novas equipes de Saúde da Família, 2.299 novas equipes de Saúde Bucal, 882 Núcleos de Apoio à Saúde da Família, 113 novas equipes de Saúde Prisional e 34 consultórios na rua.

Por Daniel Macário - Diário do Grande ABC
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Setecidades - Clique Aqui
As últimas | Setecidades
21/9/2017 | Uma casinha no meio da mata, é assim que começa a devastação
20/9/2017 | Muro que separa escolas ameaça cair
20/9/2017 | Mortes no trânsito têm alta de 31,5% na região
As mais lidas de Setecidades
15/9/2017 | Moradias vão atender 800 famílias
15/9/2017 | Atrium Shopping realiza Feira de Adoção de Animais neste domingo
20/9/2017 | Muro que separa escolas ameaça cair
As mais lidas no Geral
20/9/2017 | Mauá abre vagas de qualificação em cinco cursos
20/9/2017 | Sabesp exige que Mauá apresente até dia 29 plano para pagar dívida
19/9/2017 | Sabesp reduz em 10% vazão de água em Mauá
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2017 - Desde 2003 à 5310 dias no ar.