NOTÍCIA ANTERIOR
Aborto de feto com má formação do cérebro passa no Supremo
PRÓXIMA NOTÍCIA
Governo muda protocolo de tratamento de derrame no SUS
DATA DA PUBLICAÇÃO 14/04/2012 | Saúde e Ciência
SUS está preparado para atender casos de anencéfalos, diz ministra
SUS está preparado para atender casos de anencéfalos, diz ministra  Eleonora: convicção de que SUS está preparado para atender todos os casos. Foto: Amanda Perobelli
Eleonora: convicção de que SUS está preparado para atender todos os casos. Foto: Amanda Perobelli
Atualmente existem 30 hospitais credenciados no País para fazer abortos legalizados

A ministra da Secretaria de Políticas para Mulheres da Presidência da República, Eleonora Menicucci de Oliveira, afirmou que o SUS (Sistema Único de Saúde) está pronto para atender casos de gestantes com fetos anencéfalos. A declaração foi dada durante o 2º Encontro das Metalúrgicas do ABCD, nesta sexta-feira (13/04).

Eleonora afirmou que o sistema público de saúde está pronto para atender os casos tanto de gestantes que queiram interromper a gestação, nos casos previstos em lei, quanto as que queiram levar a gestação até o final. “Tenho convicção de que o SUS está pronto para receber esses casos”, salientou.

Na quinta-feira (12/04), os ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) decidiram descriminalizar abortos no caso de o feto ter anencefalia (má formação do cérebro) comprovada. A decisão, por oito votos a favor e dois contrários, foi tomada depois de dois dias de debates.

Em nota divulgada na tarde de quinta-feira (12/04), a Secretaria de Políticas para Mulheres da Presidência da República informou que o governo dará suporte integral à implementação da decisão do STF, garantindo o direito de escolha das mulheres e o seu acesso aos serviços especializados. Destaca ainda que o debate do assunto, que mobilizou o país em diferentes frentes, ocorreu de maneira qualificada e respeitosa entre os contraditórios.

Em entrevista à Rádio CBN na manha desta sexta, o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, afirmou que irá ampliar o número de credenciados pelo SUS para realizar abortos. “Atualmente são 65 hospitais credenciados em todo o País para fazer abortos nos casos previstos por lei. Nossa meta é chegar até o final do ano com 90 unidades. Também queremos expandir o ultra-som e o pré-natal”, disse.

De acordo com o Código Penal Brasileiro, o aborto é crime, com exceção dos casos de estupro e de risco de morte à gestante.

O que é - A anencefalia é uma má-formação no tubo neural que impede o desenvolvimento do cérebro e da calota craniana que, na maioria dos casos, leva à morte do bebê poucas horas depois do parto. O Brasil é o quarto país no mundo com a maior incidência de anencefalia – 1 para cada 500 gestações, de acordo com dados da OMS (Organização Mundial da Saúde).

Por Vladimir Ribeiro - ABCD Maior
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Gerais - Clique Aqui
As últimas | Saúde e Ciência
20/09/2018 | Campanha contra sarampo e poliomielite segue na região
19/09/2018 | É melhor dormir com ou sem meias?
19/09/2018 | Forma de andar mostra os vícios de postura
As mais lidas de Saúde e Ciência
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6197 dias no ar.