NOTÍCIA ANTERIOR
Google apresenta quatro medidas contra crimes no Orkut
PRÓXIMA NOTÍCIA
Yahoo! se alia a AOL e Google contra a Microsoft
DATA DA PUBLICAÇÃO 11/04/2008 | Tecnologia
São Caetano planeja oferecer wi-fi grátis
São Caetano pretende ser a primeira cidade com conexão banda larga sem fio gratuita – também chamada de wi-fi – da Grande São Paulo. Programas já existentes que utilizam a tecnologia na área pedagógica – como o Centro Digital de Ensino Fundamental e o Ponto Digital, que fornece sinal de acesso à internet em pontos específicos do município – servirão de laboratório para a ampliação da freqüência para toda a cidade.

A Prefeitura confirma que os estudos estão em andamento neste ano, mas não revela detalhes do programa por ainda estar na fase de estudos. No Estado de São Paulo, São José dos Campos e Sud Mennucci possuem internet sem fio gratuita. No País, oito cidades adotaram o sistema.

Os índices socioeconômicos de São Caetano e a geografia são fatores que favorecem a implementação da novidade – a cidade é pequena em território (apenas 15 quilômetros quadrados) e tem 40% dos domicílios conectados à rede, percentual comparável a países desenvolvidos. Com exceção dos bairros Cerâmica e Olímpico, tem topografia plana, que facilita a propagação do sinal.

Viabilidade - Segundo o diretor da consultoria em telecomunicação Teleco, Huber Bernal Filho, esta é uma iniciativa totalmente viável para São Caetano. “É um projeto vanguardista que promove a inclusão digital e devolve em benefícios à população os impostos pagos pelos munícipes”, afirma. Bernal explica que os custos de implantação do sistema não são altos, já que a tecnologia de internet sem fio está bem difundida no País. A freqüência utilizada fica entre 2.400 MHz e 2.483 MHz, o que segundo ele também é uma vantagem para o preço acessível, já que estas freqüências não exigem autorização para serem utilizadas.

Segundo ele, após aprovado o projeto, a instalação do sistema demanda entre 60 e 90 dias. “O que as prefeituras normalmente fazem é instalar diversas antenas na cidade, tentando cobrir a maior área possível. Isso acontece, geralmente, a partir dos pontos em que ela possui secretarias e prédios, para poder se beneficiar”, afirma. No entanto, parcerias com operadoras de telefonia celular – para utilização das antenas já instaladas – podem agilizar os processos.

Conectividade - A tecnologia wi-fi utiliza freqüência de rádio para a conexão à internet. A área de cobertura é limitada e não prevê mobilidade. “Isso quer dizer que se o usuário conectar o computador à rede por determinada antena, se ele sair da área de abrangência perderá a conexão e terá de recomeçar tudo de novo”.

De acordo com o diretor da Teleco, a velocidade média da banda larga não ultrapassa 500 Kb. “Fica em torno de 128Kb e 260Kb. Apesar de lenta, é muito melhor que a internet discada.” Bernal garante que a iniciativa de São Caetano é uma tendência e que já existe o wi-max, mais rápida e que permite a mobilidade durante a navegação.

Por Cristiane Bomfim e Hugo Cilo - Diário do Grande ABC
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Gerais - Clique Aqui
As últimas | Tecnologia
21/09/2018 | Brasileiro fica quase 3 horas por dia assistindo a vídeos online; aumento foi de 135% em 4 anos
19/09/2018 | Sony anuncia PlayStation Classic, versão mini do PS1 com 20 jogos na memória
18/09/2018 | A curiosa razão por que o relógio sempre marca 9:41 nos anúncios da Apple
As mais lidas de Tecnologia
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
06/04/2020 | Atualização 06/04/2020 do avanço Coronavírus na região do ABC Paulista
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6241 dias no ar.