NOTÍCIA ANTERIOR
Festival do Chocolate recebe atrações musicais e de dança neste final de semana
PRÓXIMA NOTÍCIA
Festa Italiana começou neste sábado
DATA DA PUBLICAÇÃO 02/08/2009 | Setecidades
São Bernardo tem cinco grávidas com suspeita de gripe suína
Cinco mulheres grávidas com doenças respiratórias graves estão internadas sob suspeita da gripe Influenza A em São Bernardo. O registro é considerado preocupante pelo secretário de Saúde do município, Arthur Chioro, mesmo sem a confirmação do vírus nas pacientes. “Cinco grávidas é um número significativo que nos preocupa. Precisa de cuidados, por ser um grupo de risco”, explicou.

De acordo com o secretário, São Bernardo confirmou 11 novos casos da gripe suína em apenas 24 horas, aumento que justificou a suspensão das aulas nas escolas municipais até o dia 16/08. Antes da decisão, dez escolas da cidade já registravam surtos do vírus Influenza A, ou seja, foram mais que três casos em apenas cinco dias nessas unidades. As secretarias de educação dos sete municípios do ABCD e a secretaria estadual suspenderam as aulas na rede pública até 16 de agosto. As escolas particulares e as universidades também adiaram a retomada do ano letivo. A medida é uma forma de se evitar contaminação pela nova gripe (leia reportagem nesta página).

A morte ainda sob suspeita de uma educadora da EMI (Escola Municipal Integrada) Marily Chinaglia Bonaparte, em São Caetano, deixou pais e professores preocupados. Ana Neri Hernandez, 42 anos, faleceu nesta quarta-feira (29/07) no Hospital Santa Cecília, na Capital. De acordo com amigos e familiares, a educadora começou a sentir sintomas de gripe no dia 21/07, mas mesmo assim foi trabalhar. Ana deixou de ir ao emprego no dia seguinte e foi internada no domingo (26/07) com dificuldade de respirar. Desde então, seguiu isolada com suspeita de ter a gripe suína. O laudo do Instituto Adolfo Lutz, que confirma o motivo da morte, deve ficar pronto apenas no domingo (02/08). A Vigilância Sanitária do município precisou se reunir com os pais dos alunos para evitar pânico.

Mortes - São Caetano confirmou na quinta-feira (29/07) o primeiro caso de morte causada pela Influenza A. A vítima é um homem de 47 anos, que faleceu na manhã de quarta-feira (29/07) no Hospital Estadual Mário Covas. O município foi o segundo do ABCD a registrar mortes. No dia 21/07, Diadema notificou a primeira morte, de uma menina de um ano e meio, e no dia 26/07, a segunda vítima, uma mulher de 56 anos vizinha da garota. A cidade investiga ainda uma terceira morte, de uma menina de 20 anos com Síndrome de Down que faleceu na terça-feira (28/07).

A Prefeitura de Diadema informou que não divulgará mais o número de pessoas com a gripe suína, nem sob suspeita. Serão divulgadas apenas as vítimas fatais. A Secretaria de Saúde do Estado, assim como o Ministério da Saúde, divulgará apenas boletins semanais sobre os casos, não mais diariamente.

Tamiflu - Desde segunda-feira (27/07), a Secretaria do Estado descentralizou a distribuição do medicamento Tamiflu, utilizado em pacientes com doença respiratória grave ou suspeita da Influenza A.

O medicamento vinha do governo federal para o Estado, que repassava apenas para os hospitais de referência. No ABCD, para o Hospital Estadual Mário Covas, em Santo André. Agora, hospitais públicos e particulares dos municípios podem fazer o pedido diretamente com a Vigilância Epidemiológica regional. “O ABCD está abastecido, quem precisa está recebendo o medicamento. A distribuição feita pelos governos federal e estadual tem sido eficiente”, ressaltou Chioro.

Escolas suspendem aulas - As principais escolas particulares e instituições de ensino superior do ABCD também decidiram suspender as aulas até o dia 16 de agosto. A Secretaria de Educação do Estado foi a primeira a decretar recesso da rede pública, na terça-feira (28/07), seguida pelas secretarias municipais da Região.

Nesta quinta-feira (30/07) foi a vez da Associação das Escolas Particulares do ABC confirmar que pelo menos 80 escolas particulares do ABCD adiaram o reinício do ano letivo. “Nossa recomendação, a princípio, é que cada escola dê uma semana a mais de recesso e analise a situação da gripe, e assim decida se o retorno fica para a semana seguinte ou somente para o dia 17 mesmo”, explicou a presidente da Associação das Escolas Particulares do ABC, Oswana Famele.

As principais faculdades da Região, como UFABC, Unifesp, Faculdade de Medicina do ABC, FEI, Uniabc, UniA e Faculdade de Direito São Bernardo também optaram por suspender as aulas até dia 16/08. Voltarão normalmente às aulas apenas a Firp, de Ribeirão Pires, e a Fama, de Mauá. A Uniban não confirmou o recesso.

Por Vanessa Selicani - ABCD Maior
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Setecidades - Clique Aqui
As últimas | Setecidades
25/09/2018 | Acidente na Tibiriçá termina com vítima fatal
25/09/2018 | Santo André quer tombar 150 jazigos de cemitérios municipais
21/09/2018 | Região ganha 13 mil árvores em um ano
As mais lidas de Setecidades
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6335 dias no ar.