NOTÍCIA ANTERIOR
Mauá recebe festival de curtas-metragens
PRÓXIMA NOTÍCIA
Protesto paralisa serviço de radiologia no Hospital Nardini
DATA DA PUBLICAÇÃO 27/09/2017 | Cidade
PR de Mauá decide entregar chefia da Pasta de Esportes
PR de Mauá decide entregar chefia da Pasta de Esportes Foto: Divulgação - DGABC
Foto: Divulgação - DGABC
O PR de Mauá decidiu entregar a chefia da Secretaria de Esportes e Lazer, ocupada por Diogo Barros. Reclamando de orçamento baixo para o setor, o único vereador da sigla na cidade, Betinho da Dragões, anunciou a decisão na sessão de ontem. “O secretário não se sentiu mais à vontade (para seguir à frente da Pasta), devido a vários problemas. Entre eles está o orçamento, que é muito baixo, de cerca de R$ 11 milhões”, criticou o parlamentar.

Ao Diário, o prefeito Atila Jacomussi (PSB) afirmou que respeitará a decisão do PR, mas ainda não decidiu quem será o substituto porque Diogo ainda não oficializou a saída.

Apesar de deixar o comando da secretaria, Betinho assegurou que a decisão não influenciará, “por enquanto”, na posição governista do partido na Câmara. Os republicanos seguirão ocupando outros cargos no segundo escalão.

Pelas redes sociais, Diogo Barros agradeceu Betinho e o prefeito. “O tempo que ficamos foi intenso e sempre procuramos com humildade e sabedoria realizar o melhor para o esporte de nossa cidade. Mas Deus sabe de todas as coisas e Ele quem trilha os nossos passos e caminhos. Por isso que sempre o colocamos em primeiro lugar em nossas decisões”, declarou o ex-secretário.

Foi a décima mudança no secretariado de Atila desde o início do ano. Então indicado para a chefia de Segurança Pública, Anderson Simões (PMDB) sequer assumiu a Pasta, mas posteriormente foi nomeado para o comando da Hurbam (Habitação Popular e Urbanização de Mauá). Para a autarquia, inclusive, o escolhido foi o ex-prefeito interino Diniz Lopes (PSB), que hoje está fora do primeiro escalão. José Carlos Orosco Júnior (PMDB, Obras) e Camila Brandão Sarem (Assuntos Jurídicos) entregaram seus cargos em janeiro – Gilberto João de Oliveira e Rogério Babichak, respectivamente, foram indicados.

Irmão do vereador Severino do MSTU (Pros), Raimundo Cassiano de Assis foi demitido depois de o parlamentar ter sido acusado de suposta compra de votos – Paulo Sérgio Pereira (PRP) deixou Administração e Modernização e assumiu a vaga. Em seu lugar, entrou André Sicco. Em Planejamento Urbano, Antônio Virginio de Holanda deu lugar a José Viana Leite. Diogo Barros havia sido escolhido para substituir Sandro Paccola, morto após ser ter sido atingido por tiro.

Por Júnior Carvalho - Diário do Grande ABC
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Setecidades - Clique Aqui
As últimas | Cidade
03/02/2020 | Com um caso em Santo André, São Paulo monitora sete casos suspeitos de Coronavírus
25/09/2018 | TIM inaugura sua primeira loja em Mauá no modelo digital
25/09/2018 | CPTR oferece 20 vagas de emprego (25/09)
As mais lidas de Cidade
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6193 dias no ar.