NOTÍCIA ANTERIOR
Dilma se reúne com Alckmin no Planalto para discutir crise da água
PRÓXIMA NOTÍCIA
Dilma: investigação na Petrobras pode mudar o País
DATA DA PUBLICAÇÃO 11/11/2014 | Política
Poupatempo de Diadema vai funcionar a partir de 2ª
Após visita de equipe técnica, realizada ontem, ficou sacramentado que o Poupatempo de Diadema abrirá para o público na segunda-feira. Grupo coordenado pelo diretor da Prodesp (Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo), Admir Ferro (PSDB), esteve no local, ao lado do prefeito Lauro Michels (PV) e do deputado estadual Alex Manente (PPS), para afiançar a liberação da unidade. “Entra em operação normal com todos os serviços disponíveis a partir do dia 17”, adiantou Admir Ferro.

Os serviços mais requisitados, como emissão de segunda via de RG, renovação de CNH (Carteira Nacional de Habilitação) e documento de antecedentes criminais constam na lista. A vistoria de funcionários ligados à Secretaria de Estado de Gestão Pública serviu para identificar que o equipamento está pronto para utilização, faltando apenas pequenos ajustes administrativos. Segundo Ferro, essa fase, antes da inauguração oficial, auxilia internamente para detectar qualquer tipo de problema. “Pode haver qualquer probleminha no sistema. É natural, ajudará para acertarmos todos os detalhes”, completou.

A expectativa é que o lançamento formal seja efetivado ainda neste ano, dependendo da agenda do governador reeleito Geraldo Alckmin (PSDB). A unidade funcionará na Rua Amélia Eugênia, na região central da cidade, prédio onde abrigava a Central de Atendimento da Prefeitura. A estimativa é que o equipamento atenda 3.500 pessoas ao dia, além de mais 800 usuários em instituição financeira, totalizando 4.300 populares. Entre servidores do Paço e agentes do Poupatempo, 218 funcionários atuarão no local, de 1.600 metros quadrados.

“Existe grande expectativa para essa inauguração. Serão diversos serviços reunidos em um só local, que vai facilitar a vida do munícipe”, disse Lauro Michels, por nota. O espaço acolherá também serviços ligados ao município, entre eles da Ciretran (Circunscrição Regional de Trânsito), órgão atrelado ao Detran, Banco do Povo, Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo), que opera o sistema de água na cidade, Secretaria da Fazenda e TRE (Tribunal Regional Eleitoral).

Esta será a segunda unidade do Grande ABC. A primeira e única até agora é operada em São Bernardo, desde 2001 – atualmente, são 60 no Estado. Alex Manente reforçou que a efetivação do posto vai desafogar o equipamento regional. “É avanço significativo, descentralizando o existente, que abrange quase 3 milhões de pessoas (incluindo a população da região e bairros da Capital que fazem divisa)”, alegou o popular-socialista, deputado federal eleito.

DEMAIS UNIDADES
A inauguração dos postos de Santo André e Mauá ficará para o ano que vem devido a mudanças no cronograma de obras. A nova previsão está colocada para a segunda quinzena de março. Houve alterações no projeto. O equipamento mauaense necessitou reconstruir o prédio, enquanto o andreense modificou o espaço.

Por Fábio Martins - Diário do Grande ABC
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Gerais - Clique Aqui
As últimas | Política
25/09/2018 | Bolsonaro inicia dieta branda e faz caminhada fora do quarto, diz boletim
21/09/2018 | Bolsonaro diz nunca ter cogitado volta da CPMF e fixa postagem no seu Twitter
20/09/2018 | Ibope: Em São Paulo, Bolsonaro se isola com 30% das intenções de voto
As mais lidas de Política
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6199 dias no ar.