NOTÍCIA ANTERIOR
São Caetano tem feira de adoção de cães e gatos neste sábado
PRÓXIMA NOTÍCIA
Viadutos acumulam problemas
DATA DA PUBLICAÇÃO 15/05/2015 | Setecidades
Poupatempo abre ao público na segunda
Poupatempo abre ao público na segunda Foto: www.dgabc.com.br
Foto: www.dgabc.com.br
O Poupatempo de Santo André, localizado no Atrium Shopping, começa a funcionar na segunda-feira. Em esquema de pré-operação, a unidade ainda não será inaugurada oficialmente, mas vai oferecer todos os serviços com horário reduzido.

Inicialmente, o posto, que tem capacidade para realizar 4.400 atendimentos, ficará aberto de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Serão oferecidos serviços como emissão de carteira de identidade e atestado de antecedentes criminais.
Também vão estar disponíveis serviços eletrônicos, como consulta de multas e boletim de ocorrência, acesso gratuito à internet pelo Acessa São Paulo, atendimento da Secretaria da Fazenda, TRE (Tribunal Regional Eleitoral), São Paulo Previdência e um correspondente bancário para recolhimento de taxas de atendimentos realizados no posto.

Todos os serviços de veículos e da CNH (Carteira Nacional de Habilitação), prestados pelo Detran, vão começar a funcionar no espaço na segunda-feira. Com isso, o antigo posto do Terminal Rodoviário, na Avenida Industrial, não vai mais prestar atendimento ao público a partir da data.

Conforme o sócio-diretor da Mazzini Administração e Empreiteiras, que opera o espaço, José Roberto Bortoli, são cerca de 200 pessoas trabalhando no local, entre funcionários do Estado e da administradora. “Eles foram treinados, então, nesse período, vão executar as tarefas. Estão preparados para todos os atendimentos.”

ATRASO - O início das atividades no posto andreense já foi adiado por cinco vezes. A previsão inicial era que o espaço fosse aberto em junho do ano passado. Depois, a data se estendeu para setembro e dezembro. A prorrogação chegou até o fim de março, e depois o novo prazo foi dado para o primeiro semestre deste ano.

Na época, a Prodesp (Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo) justificou que em cada fase do projeto é feita uma previsão, mas, em razão de algumas características, o prazo precisou ser revisto ao longo do processo.

Bortoli afirmou que os atrasos foram relacionados a problemas do cronograma de obras. “Estava previsto para 29 de março, mas tiveram alguns imprevistos de projeto e de estrutura e a gente precisou se adequar.”

A população, principal interessada, aguarda ansiosa a inauguração do posto. “Quando a gente precisa emitir documentos, tem que ir até São Bernardo. Todo mundo percebeu o atraso, mas o que resta é esperar”, disse a auxiliar de serviços gerais Vilma Lopes de Carvalho, 48 anos, moradora do Centro.

“Não é sempre que a gente precisa ir, mas uma vez ou outra é necessário. Vai melhorar muito”, afirmou o vendedor do Jardim Las Vegas Josimar dos Santos, 40.

A caixa de uma loja de roupas localizada no shopping Edna Albuquerque, 30, também aguarda a abertura do Poupatempo para melhorar as vendas. “A gente tem expectativa, já que em São Bernardo é muito lotado. Então, esse fluxo de pessoas vai aumentar a movimentação no shopping”, opina.

Em nota, Messias Mattos, coordenador de administração geral da AD Shopping, afirmou que está feliz com o Poupatempo. “Além de contar com toda facilidade de acesso, o cidadão ainda irá usufruir do conforto, segurança e opções de compras e lazer do Atrium Shopping.”

Unidade de Mauá não tem previsão para iniciar serviços

Enquanto o Poupatempo de Santo André abre as portas, em Mauá ainda não há data prevista para inauguração no espaço na Rua Cineasta Glauber Rocha, no Centro. Segundo a Prodesp, o posto está em fase de conclusão de ajustes no imóvel e aguarda a finalização do segundo processo licitatório.A partir daí será dado aval para a montagem interna e operação da unidade, projetada para realizar até 2.300 atendimentos por dia.

Além disso, houve revogação na licitação por parte da Prodesp em relação à vencedora do edital, a Mazzini Administração e Empreiteiras. Segundo o sócio-gerente José Roberto Bortoli, as condições para o contrato estão sendo discutidas. “O projeto foi todo feito. A gente está discutindo isso e tentando mostrar que é capaz dessa administração. Acredito que teremos resposta em breve.”

De acordo com Bortoli, o prazo de entrega depende da Prodesp decidir se aceita ou não o resultado da licitação. “O prédio está pronto, mas a parte física não. Se eles revogarem o edital e começarem outro processo agora, até encontrar uma empresa demora uns três meses.”

O prefeito de Mauá, Donisete Braga (PT), afirmou que a parte da cidade está pronta. “Regularizamos tudo, inclusive fizemos uma lei para destinar a área para o Estado. O prédio está pronto. Estou chateado porque a população está reclamando e nós temos uma boa relação com o governo do Estado, por isso vou tentar obter um prazo por parte deles.”

Quando o Poupatempo começar a funcionar, a região vai contar com quatro postos, sendo eles em Santo André, São Bernardo, Diadema e Mauá. Enquanto não há inauguração, mauaenses se deslocam para outras cidades.

“Eu me divorciei e ainda não mudei o meu nome. São Bernardo já é muito fora de mão para ir, mas como agora vai inaugurar em Santo André e é quase na divisa, vou ir até essa unidade”, disse a costureira do Jardim Oratório Marli Ferreira, 59 anos.

O padeiro Fernando Rodrigues, 23, perdeu o RG três vezes. Para resolver o problema, precisou se deslocar até São Bernardo, com três conduções. “ Agora, se acontecer de novo, venho em Santo André e só pego um ônibus”, disse.

Por Yara Ferraz - Diário do Grande ABC
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Setecidades - Clique Aqui
As últimas | Setecidades
25/09/2018 | Acidente na Tibiriçá termina com vítima fatal
25/09/2018 | Santo André quer tombar 150 jazigos de cemitérios municipais
21/09/2018 | Região ganha 13 mil árvores em um ano
As mais lidas de Setecidades
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6188 dias no ar.