NOTÍCIA ANTERIOR
Pedalada Noturna de Santo André celebra Outubro Rosa
PRÓXIMA NOTÍCIA
Corredor Leste-Oeste ganha 1º viaduto dentro de um ano
DATA DA PUBLICAÇÃO 09/10/2014 | Setecidades
Pedradas atingem carros no Rodoanel
Motoristas devem redobrar a atenção ao trafegar pelo Trecho Sul do Rodoanel. De acordo com dados da PMR (Polícia Militar Rodoviária), entre os dias 27 e 30 de setembro, foram registrados 12 casos de apedrejamento a veículos na rodovia.

As ações aconteceram entre o km 76 e o km 80 da via. Foram seis registros no km 78 no dia 27, seis no km 77 no dia 29 e três no km 76, que aconteceram no dia 30.

Apesar do dano que trouxeram aos motoristas, os apedrejamentos não foram seguidos de roubos. “Fomos até a região e verificamos que os casos ocorreram perto do bairro Areião. Detectamos que a maioria é de atos de vandalismo, e de fato não houve registros de roubo. As pessoas jogaram as pedras, mas sem intenção de praticar o crime”, explicou o tenente-coronel Carlos Alberto dos Santos, comandante do patrulhamento da Polícia Rodoviária no trecho.

Segundo Carlos Alberto, o policiamento foi reforçado na área. “Neste trecho sempre há uma viatura 24 horas, sendo que no período da noite também há equipe da Força Tática para dar apoio. Desde as datas citadas não tivemos outras ocorrências do tipo”, disse.

A reportagem do Diário procurou a SPMar, concessionária que administra os trechos Sul e Leste do Rodoanel, que afirmou que em episódios de vandalismo cabe à equipe de operação da concessionária identificar a ocorrência, informar de imediato à PMR e realizar o atendimento aos motoristas dos veículos parados.

Eles também esclareceram que a segurança da rodovia é de responsabilidade da PMR, porém, disseram ter cedido em julho 42 viaturas para a operação na via, sendo 21 para o Trecho Sul e mais 21 para o Trecho Leste.

Em casos como esses, o comandante orienta que o motorista não pare no acostamento. “Em qualquer estrada, o ideal é que quando aconteça alguma emergência, pare-se apenas em locais seguros, próximos à base da Polícia Rodoviária ou à praça de pedágios. As pessoas que param no acostamento não conhecem o que tem ao redor, por isso é importante não parar. Qualquer emergência, deve-se ligar imediatamente para a polícia”, garantiu.

Por Yara Ferraz - Diário do Grande ABC
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Setecidades - Clique Aqui
As últimas | Setecidades
25/09/2018 | Acidente na Tibiriçá termina com vítima fatal
25/09/2018 | Santo André quer tombar 150 jazigos de cemitérios municipais
21/09/2018 | Região ganha 13 mil árvores em um ano
As mais lidas de Setecidades
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6333 dias no ar.