NOTÍCIA ANTERIOR
Brasil lidera lista de países com férias mais longas, diz pesquisa mundial
PRÓXIMA NOTÍCIA
Barra Grande no Piauí concentra belezas naturais e tranquilidade
DATA DA PUBLICAÇÃO 09/03/2013 | Turismo
Paraíba: porta do sol
O sertão árido e o cenário sertanejo descrito por Ariano Suassuna, Augusto dos Anjos, José Lins do Rego e tantos outros paraibanos são parte do retrato, quase que pintado à mão, da João Pessoa que mistura o marrom da terra batida do interior com o azul da costa praiana.

A terra apelidada de Porta do Sol, localizada na Ponta do Seixas, ponto oriental das Américas, abraça a todos com sua diversidade natural, gastronômica e cultural, não sendo apenas ‘um meio de caminho' entre Pernambuco e Rio Grande do Norte. E muitos que a visitam se deleitam com a tranquilidade das vilas, que beiram a orla de praias nativas, e com a diversidade de opções para divertimento e contato com a cultura local. Marasmo nem de longe é palavra bem colocada para a cidade, que, mesmo ainda não tendo a representatividade turística de outros destinos do Nordeste, já desponta para tal concorrência. E o segredo para conquistar de vez os viajantes é justamente o ar tranquilo e aconchegante em parceria com a beleza natural.

A 2.770 quilômetros de São Paulo, João Pessoa consegue aproximar praia e o agito urbano - permeados pelas curvas formadas por falésias de areias grossas, que moldam o miolo e remetem aos contornos sensuais da mulher nordestina.

A capital detém 30 quilômetros dos 130 de todo o litoral da Paraíba. O percurso do aeroporto até as praias do Sul dura, em média, 50 minutos. E a beleza dos prédios antigos, das casas de artesanato e dos pontos históricos tem muito a revelar. Isso tudo é apenas o começo da nossa viagem para mostrar um pouco da riqueza dos lugares que contam com assinaturas importantes na Constituição de João Pessoa, como a de Oscar Niemeyer para a Estação Cabo Branco, Ciência, Cultura e Artes, de onde pode ser vista uma infinidade de projetos artísticos, culturais e educativos.

A riqueza cultural e histórica de João Pessoa tem sua particularidade muito bem-vista e enobrecida, tanto pelos paraibanos quanto pelos turistas. Apesar de ser a terceira cidade mais antiga do Brasil, a terrinha remete diretamente à lembrança da música de Luiz Gonzaga, Paraíba Masculina, que retrata a garra e a força que as mulheres sertanejas tiveram para ajudar na construção de João Pessoa, e o que vale ser visto hoje por lá.

E o paladar mergulhado na culinária do Estado é uma das delícias que dão prazer e comprovam que o destino escolhido foi realmente uma boa escolha. O camarão é o protagonista de muitas receitas, assim como o tradicional azeite de dendê, que foi resgatado da gastronomia baiana para dar toque diferenciado aos pratos.

HOTELARIA

O setor hoteleiro de João Pessoa tem se desenvolvido com rapidez, focando os diversos perfis de visitantes, tanto para aqueles que estão a turismo quanto para profissionais que vão a trabalho. Para quem prefere o conceito de resort, a cidade ganhou há três anos o Mussulo by Mantra, que fica a 20 quilômetros de João Pessoa e a dois quilômetros da praia de Tabatinga, no Litoral Sul.

A jornalista viajou a convite do Mussulo Resort by Mantra

Por Kelly Zucatelli, Enviada à Paraíba - Diário Online
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Gerais - Clique Aqui
As últimas | Turismo
18/09/2018 | Brasileiros precisarão de autorização de viagem para entrar na Europa a partir de 2021
17/09/2018 | Halloween Horror Nights 2018, do Universal Orlando, já está aberto
31/08/2018 | Campos do Jordão para crianças
As mais lidas de Turismo
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6286 dias no ar.