NOTÍCIA ANTERIOR
2015 conquista antecipadamente título de ano mais quente já registrado
PRÓXIMA NOTÍCIA
Zika é oficialmente ligado à microcefalia
DATA DA PUBLICAÇÃO 27/11/2015 | Saúde e Ciência
OMS registra número recorde de novos casos de HIV na Europa
Foram mais de 142 mil novos casos em 2014 na chamada Região Europeia.

Aumento foi em grupo de países que inclui Rússia, Ucrânia e Ásia Central.


A Organização Mundial da Saúde (OMS) afirmou nesta quinta-feira (26) ter registrado em 2014 o maior número de novos casos de HIV na área que chama de Região Europeia, que também inclui a Ásia Central, desde que começou a coletar registros na década de 80.

A OMS e o Centro Europeu para Prevenção e Controle de Doenças (ECDC, na sigla em inglês) disseram em comunicado que mais de 142 mil pessoas da Região Europeia foram diagnosticadas com HIV no ano passado. O aumento ocorreu no setor leste, grupo de 15 países que inclui Rússia, Ucrânia e a Ásia Central.

O comunicado foi divulgado após a publicação, na terça, de descobertas do programa de Aids da Organização das Nações Unidas (ONU) que revelaram que as novas infecções de HIV, no geral, caíram 35% desde o pico da pandemia de trinta anos em 2000.

"A transmissão heterossexual é responsável pelo aumento no leste da Europa, e a transmissão por drogas injetáveis continua sendo substancial", informou a declaração conjunta da OMS e do ECDC.

A porta-voz do ECDC, Caroline Daamen, afirmou que o "leste da Europa" se refere às partes do leste da Região Europeia, onde as organizações disseram que o número de novos casos de HIV mais que dobrou na última década.

Por G1 - Reuters
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Gerais - Clique Aqui
As últimas | Saúde e Ciência
20/09/2018 | Campanha contra sarampo e poliomielite segue na região
19/09/2018 | É melhor dormir com ou sem meias?
19/09/2018 | Forma de andar mostra os vícios de postura
As mais lidas de Saúde e Ciência
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6196 dias no ar.