NOTÍCIA ANTERIOR
Manutenção feita pela seguradora pode ficar até 50% mais barata
PRÓXIMA NOTÍCIA
Salão da Motocicleta terá mais de 300 motos expostas em São Paulo
DATA DA PUBLICAÇÃO 04/11/2012 | Veículos
No último dia, Salão de SP abre mais cedo; veja dicas para visitar
No último dia, Salão de SP abre mais cedo; veja dicas para visitar Salão do Automóvel de São Paulo começou oficialmente no último dia 24 (Foto: Divulgação)
Salão do Automóvel de São Paulo começou oficialmente no último dia 24 (Foto: Divulgação)
Horário de visitação será das 11h às 19h (com entrada até as 17h).
Bilheteria do Anhembi será aberta às 10h.


O Salão Internacional do Automóvel de São Paulo termina neste domingo (4). No último dia, as portas do Anhembi abrirão mais cedo, às 11h (antes, era só às 13h). Os visitantes poderão entrar até as 17h, e, duas horas depois, o evento será encerrado. Como o salão é bienal, a próxima edição será só em 2014.

A organização disse ao G1, na última quarta-feira (31), que as primeiras horas deste domingo seriam uma boa opção para quem quisesse aproveitar os últimos dias, porque havia uma previsão mais alta de entrega de ingressos para a sexta (2) e o sábado (3).

Segundo Paulo Octávio Pereira de Almeida, vice-presidente da Reed Alcântara Machado, organizadora do salão, o tempo médio de visita é de 4 horas. Ele recomenda que as pessoas se dirijam ao Anhembi de metrô. A organização oferece translado gratuito, em ônibus, a partir dos terminais Tietê e Barra Funda; assim, não é preciso se preocupar com vaga de estacionamento.

A Ford divulgou na última quinta-feira (1º) que quem chegar ao Anhembi com carro da marca terá estacionamento grátis (o preço oficial é R$ 30). Mas a promoção é limitada a 1 mil vagas. No total, o local tem capacidade para 7,5 mil veículos.

O que ver?
Em sua 27ª edição, o evento conta com 49 marcas. Almeida lembra ainda que, diante de tantas atrações, o ideal é que o visitante planeje seu passeio, verificando onde estão os estandes de maior interesse e indo direto a eles. "Com o tempo que sobrar, ele participa de concursos e outras ações", recomenda.

Esta edição é marcada por lançamentos mundiais (assista no vídeo ao lado) -ou seja, há carros no Anhembi que nunca tinham sido exibidos antes - e muitos modelos recém-chegados, prontos ou com grandes possibilidades de entrarem no mercado.

A "guerra dos compactos de entrada" foi o destaque do primeiro dia para a imprensa: estão no salão os novatos Chevrolet Onix, Hyundai HB20 e Toyota Etios, diante de rivais experientes como o Volkswagen Gol, agora reestilizado na versão duas portas.

Por outro lado, muitos "carrões" também estão no Anhembi. As importadoras, que se apresentaram no segundo dia, levaram muitos esportivos milionários (veja resumo ao lado).

A Ferrari desta vez não tem estande próprio, mas a 458 Spyder está exposta no espaço da Fiat, assim como a Maserati GranCabrio Sport. É um dos pontos mais disputados pelo público no salão.

Além dos luxuosos, há modelos bem inusitados: até um batmóvel apareceu no evento (assista ao lado).

Test drive
Duas importadoras promovem testes gratuitos de suas máquinas aos visitantes do salão. Como mencionado, a Audi permite que 21 pessoas por dia deem uma volta em um de 4 modelos, entre eles o superesportivo R8 GT Spyder, que tem apenas duas unidades à venda no Brasil – por R$ 1,2 milhão cada. O percurso é ao redor do Pavilhão de Exposições do Anhembi e dura cerca de 15 minutos (veja no vídeo abaixo).

Para ter a chance de "pilotar" a máquina, é preciso ir a um ponto de encontro que a marca mantém em frente ao hotel Holliday Inn (ao lado do Anhembi) para colocar o nome na fila.

O ponto funciona nos mesmos horários do salão: neste domingo, das 11h às 19h (entrada até 17h).

A Land Rover montou, no estacionamento do Anhembi, uma estrutura que permite simular o comportamento off-road de 3 de seus modelos: Range Rover Sport, Evoque e Freelander 2 (veja ao lado).

Para mais informações, vá ao estande da marca ou direto ao bolsão A3 do estacionamento, onde a ação está sendo realizada.

Quais as datas e horários do salão?
O salão termina neste domingo (4) e funcionará das 11h às 19h (entrada até 17h).

Tem que pagar para entrar? Quais os valores?
A entrada no salão é paga. Para venda a antecipada, no site www.ingressorapido.com.br, a inteira custa R$ 70 para o domingo. Há meia entrada e desconto para idosos e professores. O site também possui pontos fixos de venda e cobra taxa de conveniência (10%).

Os mesmos valores valem para o ponto de vendas oficial (isento de taxa de conveniência), localizado no teatro Raul Cortez), em São Paulo.

Na bilheteria do Anhembi, a entrada inteira custa R$ 80 para este último dia. Também haverá meia entrada.

No momento da compra de entradas para o salão, o visitante poderá optar por doar R$ 2 (descontados impostos e taxas) por ingresso ao Instituto Ayrton Senna.

Cuidado porque há cambistas agindo nas proximidades da bilheterias e oferecendo ingressos a preços muito mais altos do que os oficiais.

Onde comprar o ingresso?
É possível comprar antecipadamente, com desconto, no site www.ingressorapido.com.br (que também possui pontos fixos de venda), mas cobra taxa de conveniência. A retirada é feita em um guichê especial na bilheteria. O ponto oficial de vendas antecipadas (sem taxa de conveniência) é o teatro Raul Cortez (Rua Doutor Plínio Barreto, 285), em São Paulo. A bilheteria do Anhembi ficará aberta das 10h às 17h deste domingo.

Onde fica o Anhembi?
O Pavilhão de Exposições do Anhembi fica na rua Olavo Fontoura, 1.209, no bairro de Santana, em São Paulo. Ele está na mesma região do Terminal Rodoviário do Tietê e da Marginal Tietê (sentido Castello Branco, próximo à Ponte das Bandeiras).

Devo ir de ônibus/metrô?
Com os congestionamentos da região está é uma das opções mais viáveis. Gratuitamente, o visitante tem à disposição transporte de ida e volta das estações do Metrô Tietê e Barra Funda. Este serviço funcionará uma hora antes de abrir o evento e uma hora antes de fechar.

Na Tietê, o embarque e desembarque fica na rua Marechal Odylio Dennys, oposto ao nº 70. Já na Barra Funda, o ponto de encontro é a rua Wilfrides Alves de Lima, travessa da Rua Auro de Moura Andrade.

Devo ir de carro?
Para quem for de carro, o estacionamento do Anhembi comporta 7,5 mil veículos, ou seja, a chance de pegar fila para entrar e sair é grande. O valor do estacionamento é de R$ 30 para carros. O preço é definido pelo próprio Anhembi e vale da entrada até meia-noite.

Também existem estacionamentos que não são da organização do evento nas redondezas, com preços diversos, mas vale checar se é um estabelecimento legalizado. Caso queira parar o carro nas ruas, porém, as vagas são escassas e distantes do Anhembi.

Nos dias do evento, a região nos entornos do evento fica bem congestionada, principalmente no fim de semana. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) diz que vai monitorar o entorno do Anhembi. Segundo o órgão, caso seja necessário, serão bloqueadas as seguintes vias:
- retornos do canteiro central da Avenida Olavo Fontoura, com a canalização do retorno próximo à Rua Brazelisa Alves de Carvalho, para facilitar a conversão;
- Acesso da Marginal Tietê para a Rua Brazelisa Alves de Carvalho (sentido Avenida Olavo Fontoura);
- Rua Professor Milton Rodrigues (sentido Avenida Olavo Fontoura);
- Avenida Olavo Fontoura (Sentido Casa Verde/ Santana) junto a Rua Brazelisa Alves de Carvalho;
- Praça Campo de Bagatelle.

A opção de desvio são as avenidas Brás Leme e Presidente Castelo Branco (Marginal Tietê, Sentido Ayrton Senna).

A CET dá informações de trânsito pelo número 1188. O serviço funciona 24 h.

Devo ir de moto?
Ir de moto pode ser uma solução para chegar mais rápido ao evento. O preço do estacionamento é de R$ 20 para as motos. No Anhembi haverá um guarda volumes (serviço pago) para poder deixar o capacete e outros equipamentos de segurança.

E saindo do aeroporto?
Caso desembarque na cidade e queira ir direto à feira, a opção mais viável é o táxi. Segundo a organização, saindo do Aeroporto de Congonhas a corrida de táxi comum custa aproximadamente R$ 55, enquanto o especial sai por cerca de R$ 70. Já se a viagem for do Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, o táxi comum custa por volta de R$ 90 e o especial R$ 95. Procure evitar os horários de pico de trânsito.

E para voltar de táxi?
A organização tem empresas de táxi parceiras que ficam à disposição dos visitantes. Os balcões ficam localizados na saída do evento.

Há como guardar a bagagem?
O evento disponibiliza um guarda volumes para quem desejar guardar suas malas ou outros objetos. O serviço é pago. O valor cobrado não foi informado.

Como ir direto aos carros que quero ver?
Para "se encontrar" no salão, os organizadores divulgaram mapa do evento (veja e baixe o mapa aqui), apontando os estandes das marcas e a localização de banheiros, restaurantes, atendimento médico e outros serviços. Esse mapa também está espalhado pelo Anhembi.

Aplicativo para smartphone
Disponível para iPhone e Android, o aplicativo "Salão do Automóvel 2012" permite ao usuário visualizar mapa da exposição, para achar o estande desejado, acompanhar as atrações que estão acontecendo no momento e outras funções interativas.

Posso tirar fotos dos carros?
Sim, é permitido levar câmeras e celulares. Alguns modelos, como a Ferrari, no estande da Fiat, vão requerer mais paciência para chegar perto, tamanha a quantidade de fãs que atraem. Para proteger os carros, algumas marcas cercam esses veículos com fitas.

Posso entrar nos carros?
Isso varia de marca para marca. Em geral, modelos mais luxuosos costumam ficar fechados, às vezes isolados, ou a entrada só permitida acompanhada de um expositor. Modelos mais populares costumam ser mais acessíveis.

Posso entrar com meu bicho de estimação?
Não, é proibida a entrada de animais de quaisquer espécies ou portes, exceto o acesso de cães-guias, devidamente autorizados pela organização.

Cuidado com o calor
Com altas temperaturas registradas na última semana do salão, é bom observar que, dentro do Anhembi, o calor costuma ser ainda maior, pois não há sistema de ar-condicionado. Assim, o ideal é ir com roupas leves e confortáveis. Procure se hidratar, de preferência com água. Há vendedores ambulantes uniformizados circulando entre os estandes.

Emergências médicas
Existe uma unidade equipada com os equipamentos necessários para um pronto atendimento dos visitantes. Durante a realização do evento, uma equipe de médicos e enfermeiros fica à disposição.

Se a bateria do celular acabar
Há orelhões no Anhembi, que funcionam com cartão telefônico. Eles estão localizados próximos aos banheiros.

Pessoas com necessidades especiais
Para os visitantes com dificuldade de locomoção ou com deficiência física, a organização disponibiliza cadeiras de rodas mecânicas e motorizadas, estacionamento com vagas exclusivas, atendimento preferencial, banheiros adaptados e rampas de acesso. As cadeiras de rodas devem ser retiradas na sala de segurança, mas estão sujeitas à disponibilidade.

Hora da fome
Há áreas disponíveis ao visitante para realizar suas refeições com diversas opções. Existem desde pratos mais elaborados até lanches e salgados. Há vendedores ambulantes uniformizados andando entre os estandes.

Em caso de furto
Recomenda-se atenção total com objetos de valor, sobretudo quando acomodados em mochilas. A feira possui serviço de apoio a quem sofreu furtos e orientações em geral, local para ponto de encontro, achados e perdidos com atendimento durante a feira.

Hospedagem
A organização realizou acordo para obter descontos especiais para quem vai visitar a feira, mas não existem mais hotéis disponíveis com os preços reduzidos para os dias de salão. Orientações para turistas podem ser obtidas no site www.spturis.com e www.cidadedesaopaulo.com

Serviço:
27º Salão Internacional do Automóvel
Quando:
de 24/10 a 4/11
Onde: Pavilhão de Exposições do Anhembi, em São Paulo. Avenida Olavo Fontoura, 1.209, Santana.

Por G1, em São Paulo
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Gerais - Clique Aqui
As últimas | Veículos
19/09/2018 | Volkswagen faz recall de uma unidade do Tiguan Allspace
19/09/2018 | Detran.SP leiloa 287 veículos na Grande São Paulo
18/09/2018 | Prefeitura de SP lança site para divulgar dados sobre acidentes de trânsito
As mais lidas de Veículos
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6235 dias no ar.