NOTÍCIA ANTERIOR
Pressionadas, Câmaras de Mauá e Santo André iniciam cortes
PRÓXIMA NOTÍCIA
Mauá promove ação de combate ao câncer de mama
DATA DA PUBLICAÇÃO 18/10/2017 | Cidade
Neycar nega ligação com firma contratada por Atila
Neycar nega ligação com firma contratada por Atila Foto: Nario Barbosa/DGABC
Foto: Nario Barbosa/DGABC
Sócio majoritário até o ano passado de empresa contratada pelo governo do prefeito de Mauá, Atila Jacomussi (PSB), em setembro, o vereador governista Vanderley Cavalcante da Silva, o Neycar (SD), negou ter ligação com a GRCAR Veículos Locadora e Serviços. Ao Diário, o parlamentar disse não ver irregularidades no contrato porque vendeu a empresa há um ano.

Neycar contestou ainda a informação de que seu filho trabalha na concessionária, como informou um funcionário da GRCAR. “Você (repórter) ligou no lugar errado. Meu filho não trabalha lá. Onde você ligou não é a GRCAR. É uma informação incorreta. Você ligou numa loja onde meu filho trabalha, a Ivan Multimarcas. Não tem nada a ver com GRCAR”, justificou.

Neycar reforçou não ter vínculos com a empresa contratada pelo Paço de Mauá, mas destacou que seu escritório político funciona na Ivan Multimarcas. “Lá (na Ivan Multimarcas) é meu escritório e continua a ser. Não tenho nada a ver com isso aí. (O local) Era a sede de antigamente (da empresa)”, frisou.

Questionado sobre os motivos de ter deixado a sociedade da empresa (antiga Neycar Veículos) ao lado da mulher, Dileusa Lemes Cavalcante, o parlamentar não entrou em detalhes sobre a venda da firma e se isentou de responsabilidades. “Eu não tinha interesse mais (em ser dono da concessionária), estava entrando na vida pública, tinha interesse em ser vereador e a vendi (...) Eu não sei (sobre a data do primeiro contrato), não tenho essa informação. Eu vendi a empresa no ano passado, daí para frente eu não sei mais o que aconteceu.”

Neycar deixou o quatro societário da atual GRCAR em setembro de 2016. Em outubro, a firma – que ainda era batizada com o apelido do próprio – foi contratada para alugar veículos para a fiscalização do trânsito. No mesmo mês, Neycar era eleito vereador. O contrato assinado pela gestão Atila é de R$ 1,13 milhão e, aparentemente, trata-se de aditamento do primeiro convênio.

Por Júnior Carvalho - Diário do Grande ABC
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Setecidades - Clique Aqui
As últimas | Cidade
06/04/2020 | Atualização 06/04/2020 do avanço Coronavírus na região do ABC Paulista
03/02/2020 | Com um caso em Santo André, São Paulo monitora sete casos suspeitos de Coronavírus
25/09/2018 | TIM inaugura sua primeira loja em Mauá no modelo digital
As mais lidas de Cidade
06/04/2020 | Atualização 06/04/2020 do avanço Coronavírus na região do ABC Paulista
As mais lidas no Geral
06/04/2020 | Atualização 06/04/2020 do avanço Coronavírus na região do ABC Paulista
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6240 dias no ar.