NOTÍCIA ANTERIOR
Fazer uma ''dieta diversificada'' não é necessariamente o mais saudável, diz entidade americana
PRÓXIMA NOTÍCIA
Estacionamento gratuito até o final do ano no Atrium Shopping
DATA DA PUBLICAÇÃO 17/08/2018 | Saúde e Ciência
Mutirão de vacinação contra pólio e sarampo em Santo André
Mutirão de vacinação contra pólio e sarampo em Santo André Crédito: Beto Garavello/PSA
Crédito: Beto Garavello/PSA
Unidades de Saúde estarão abertas neste sábado das 8h às 17h; US Vila Guiomar recebe XV Feira de Saúde
Vacinação contra paralisia infantil e sarampo acontece até o dia 31 de agosto.


Neste sábado (18), a Prefeitura de Santo André, por meio da Secretaria de Saúde, promove o dia D de vacinação contra poliomielite e sarampo. As 27 unidades de saúde instaladas no município estarão abertas das 8h às 17h, para vacinar crianças de 1 a 4 anos de idade. A ação visa atender o público que não consegue acessar os equipamentos em dias úteis. Nesta data também haverá ponto extra para imunização, no Corpo de Patrulheiros Mirins de Santo Andre, localizado na avenida Dom Jorge Marcos de Oliveira, 120, na Vila Guiomar, organizado em parceria com os clubes Rotary do município.

A campanha nacional de vacinação contra paralisia infantil e sarampo acontece até o dia 31 de agosto. A meta é que 95% do público elegível seja vacinado. Os responsáveis pelos menores deverão procurar uma das 27 unidades de saúde instaladas no município, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, munidos de documento com foto da criança e carteira de vacinação.

O esquema vacinal do Calendário Nacional de Vacinação é composto por três doses da vacina inativada poliomielite (VIP), administradas aos dois, quatro e seis meses, sendo necessários dois reforços com a vacina oral poliomielite (VOP) aos 15 meses e aos 4 anos de idade. A imunização contra o sarampo é feita por meio da vacina tríplice viral, que protege também contra rubéola e caxumba. O esquema vacinal é de uma dose aos 12 meses, com um reforço aos 15 meses por meio da aplicação da tetraviral, que inclui a imunização contra varicela.

As vacinas são fornecidas pelo Ministério da Saúde e repassadas pelo Governo do Estado. As doses são seguras e atendem rigorosos critérios de segurança para serem administradas em seres humanos. A poliomielite ou paralisia infantil está erradicada no país, por esse motivo Santo André não tem histórico recente de casos. No entanto, existe o risco da doença ser trazida por estrangeiros ou por pessoas que viajaram para o exterior, por exemplo. Por esse motivo, é muito importante procurar o serviço de saúde para se vacinar.

No caso do sarampo, a cidade também não possui histórico recente de casos, mas é importante frisar que sem a prevenção, as doenças podem voltar a vitimar a população. Até o momento a campanha atingiu a cobertura de 18,63% contra poliomielite e 18,44% contra sarampo (tríplice viral).

Por Bianca Fontes - Secom - PSA
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Gerais - Clique Aqui
As últimas | Saúde e Ciência
20/09/2018 | Campanha contra sarampo e poliomielite segue na região
19/09/2018 | É melhor dormir com ou sem meias?
19/09/2018 | Forma de andar mostra os vícios de postura
As mais lidas de Saúde e Ciência
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6195 dias no ar.