NOTÍCIA ANTERIOR
Vereador pede organizador de filas no terminal de Mauá
PRÓXIMA NOTÍCIA
Homem que matou a namorada é preso em Mauá
DATA DA PUBLICAÇÃO 30/06/2017 | Cidade
MEC vistoria campus Mauá da Uninove
MEC vistoria campus Mauá da Uninove Imagem ilustrativa. Foto: booking.com
Imagem ilustrativa. Foto: booking.com
O campus Mauá da Uninove (Universidade Nove de Julho), instalado em espaço onde funcionava o hotel Diamond Mauá, na Vila Bocaina, recebeu ontem vistoria técnica do MEC (Ministério da Educação). O procedimento corresponde ao penúltimo passo para o início das aulas do curso de Medicina, que ofertará 50 vagas por meio de edital do Programa Mais Médicos, do governo federal. Para que a instituição de Ensino Superior dê início ao processo seletivo, é necessária autorização dos cursos por parte da União.

A previsão inicial era a de que a unidade abrisse as portas apenas em 2018, no entanto, o prefeito de Mauá, Atila Jacomussi (PSB), está confiante de que este prazo possa ser antecipado. “O processo está bem adiantado. Estive ontem (quarta-feira) em Brasília, inclusive. Amanhã (hoje) será feita vistoria (pela equipe do MEC) no (Hospital) Nardini e nos demais equipamentos de Saúde da cidade. A expectativa é a de que o aval do MEC saia no sábado (amanhã), o que daria tempo para o início das aulas no segundo semestre, já que elas podem começar até a terceira semana”. O vestibular da Uninove para as vagas de Medicina será realizado pela Fundação Vunesp e pela Fundação Carlos Chagas.

Atila já havia se comprometido a utilizar o repasse obrigatório de 10% do valor da arrecadação das mensalidades do curso de Medicina da Uninove em Mauá para a área da Saúde. “Vamos melhorar o nosso atendimento e também transformar o Nardini em um hospital de ensino”, promete. O equipamento municipal passa por reforma no PS (Pronto-Socorro), cuja conclusão está prevista para dezembro.

SÃO BERNARDO

São Bernardo também conta com unidade da Uninove. Por lá, o processo para início das aulas dos 150 alunos de Medicina estava mais adiantado, tendo em vista que a vistoria do MEC foi realizada em abril, na mesma data em que a parceria entre a instituição de Ensino Superior e a Prefeitura para o repasse de verba para a rede pública foi formalizada. A expectativa era a de que o processo desenrolasse em tempo de iniciar as aulas no segundo semestre, no entanto, até agora não há novidades.

A instalação dos cursos de Medicina na região ocorre quase dois anos depois da escolha da Uninove como responsável pela oferta das vagas. Isso devido a imbróglio judicial.

Conforme o MEC, o processo de seleção de estudantes e início das aulas poderá ser realizado até 18 meses após a divulgação do resultado final do certame e autorização do curso de Medicina.

Por Natália Fernandjes - Diário do Grande ABC
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Setecidades - Clique Aqui
As últimas | Cidade
06/04/2020 | Atualização 06/04/2020 do avanço Coronavírus na região do ABC Paulista
03/02/2020 | Com um caso em Santo André, São Paulo monitora sete casos suspeitos de Coronavírus
25/09/2018 | TIM inaugura sua primeira loja em Mauá no modelo digital
As mais lidas de Cidade
06/04/2020 | Atualização 06/04/2020 do avanço Coronavírus na região do ABC Paulista
As mais lidas no Geral
06/04/2020 | Atualização 06/04/2020 do avanço Coronavírus na região do ABC Paulista
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6240 dias no ar.