NOTÍCIA ANTERIOR
Desafio de Redação tem início em Mauá
PRÓXIMA NOTÍCIA
Paço de Mauá usa a Câmara para fritar Márcio Chaves
DATA DA PUBLICAÇÃO 22/08/2017 | Cidade
Mauaense abre quartas de final da Segundona do Paulista sábado
Mauaense abre quartas de final da Segundona do Paulista sábado Foto: André Henriques/DGABC
Foto: André Henriques/DGABC
Em reunião ontem na Federação Paulista de Futebol, Mauaense e EC São Bernardo ficaram sabendo quando irão iniciar a disputa do mata-mata das quartas de final da Segunda Divisão do Campeonato Paulista. Para a Locomotiva, a briga começará sábado, às 15h, diante do Osasco, no Estádio Pedro Benedetti. Já o Cachorrão iniciará a caminhada um dia depois, às 15h, fora de casa, contra o Taquaritinga.

Os confrontos de volta também foram definidos. O Mauaense vai decidir a classificação no dia 1º, sexta-feira, às 19h, em Osasco, enquanto o EC São Bernardo fará a partida diante de sua torcida, às 15h do dia 3, domingo.

As equipes só confirmaram a classificação na última rodada, domingo. O EC São Bernardo tinha a missão mais simples. Bastava um empate contra a Francana para garantir a vaga. O Cachorrão fez a sua parte e, com categoria, goleou por 4 a 1.

“A nossa maior vantagem é poder decidir em casa. Agora que é mata-mata, temos que nos concentrar, porque um erro pequeno pode custar a vaga”, declarou o técnico do EC São Bernardo, Ricardo Costa.

A experiência do treinador é outro fator que pode ajudar o Cachorrão contra o Taquaritinga. Costa levou a Portuguesa Santista ao título da edição passada do campeonato.

A situação mais crítica era a do Mauaense, que precisava vencer o tradicional América-SP por dois gols de diferença, fora de casa, além de depender de outros resultados.Superando as adversidades, a Locomotiva conquistou o resultado e a vaga.

A descrença dos adversários serviu de combustível para o Mauaense comprovar as palavras otimistas do técnico Flávio Borelli durante a última semana.

“Nosso time sabe o que faz, e agora está tudo nivelado. Tivemos uma classificação dramática, mas nas quartas de final precisamos ter sangue- frio”, disse Borelli.

O treinador voltou a elogiar a qualidade do time, apesar das adversidades. “Tenho apenas 22 jogadores à disposição. Mas se a equipe continuar jogando da forma que atuou contra o América em São José do Rio Preto, dificilmente iremos perder algum jogo”, concluiu ele.

Por Marcelo Agachoy - Especial para o Diário
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Setecidades - Clique Aqui
As últimas | Cidade
03/02/2020 | Com um caso em Santo André, São Paulo monitora sete casos suspeitos de Coronavírus
25/09/2018 | TIM inaugura sua primeira loja em Mauá no modelo digital
25/09/2018 | CPTR oferece 20 vagas de emprego (25/09)
As mais lidas de Cidade
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6230 dias no ar.