NOTÍCIA ANTERIOR
Carro se choca contra poste em Mauá
PRÓXIMA NOTÍCIA
Homem é preso suspeito de abusar de enteada
DATA DA PUBLICAÇÃO 24/12/2012 | Cidade
Mauá sobe passagem de ônibus após o Natal
A Prefeitura de Mauá irá aumentar o valor da tarifa do ônibus municipal antes da virada do ano. Na quarta-feira, logo após as comemorações do Natal, a passagem passará dos atuais R$2,90 para R$3,30, 13,79% mais cara. Agora, a cidade terá um dos preços mais caros de transporte municipal de todo o País, se igualando aos valores cobrados em Osasco, Campinas e Taboão da Serra.

As viações Cidade de Mauá e Leblon, que operam o transporte público no município, informaram que estão providenciando cartazes para serem colados nos veículos com aviso sobre o aumento. No entanto, ontem, três dias antes do início de operação da nova tarifa, a equipe do Diário esteve no Terminal Rodoviário do município e constatou que não havia divulgação sobre o novo preço do bilhete. Os funcionários que trabalham no local também afirmaram desconhecer o acréscimo.

O reajuste foi publicado no Diário Oficial do dia 21, com decreto assinado pelo prefeito Oswaldo Dias (PT), que entrega o cargo no dia 1º.

O secretário de Mobilidade Urbana, Renato Moreira, negou que o aumento no preço da tarifa tenha sido feito na surdina, durante o feriado do Natal. Nessa época as pessoas utilizam o transporte coletivo com menos freqüência. "Os ônibus estão circulando normalmente com avisos sobre o novo valor da tarifa e divulgamos no Diário Oficial. É comum ter aumento em vários produtos e taxas no fim de ano. Então, as pessoas já estão acostumadas", comentou o secretário.

Para Moreira, o valor da passagem é elevado. No entanto, ele disse que não é possível fugir desse reajuste. "Se fizermos comparação entre o preço e o serviço prestado, realmente é caro. Mas, infelizmente, os custos para manutenção do transporte estão cada vez mais altos e isso acaba afetando o bolso do trabalhador", comentou.

O último reajuste na passagem de ônibus em Mauá ocorreu em agosto do ano passado. "Desde então, já demos dois aumentos para os funcionários, em 2011 e 2012, e a tarifa não subiu. Essa defasagem acaba prejudicando as empresas, que têm de arcar com valores mais altos. O reajuste é necessário. Se isso não acontecer, a gente quebra", argumentou o proprietário da Cidade de Mauá, Baltazar José de Souza.

REGIÃO

A tendência é que a tarifa do ônibus aumente também nas outras cidades do Grande ABC. O Consórcio Intermunicipal está em negociação com os empresários e tentava emplacar a adoção de apenas dois valores, - R$ 3,20 e R$ 3,40 - a serem praticados pelas sete cidades.

Por Cadu Proieti - Diário do Grande ABC
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Setecidades - Clique Aqui
As últimas | Cidade
03/02/2020 | Com um caso em Santo André, São Paulo monitora sete casos suspeitos de Coronavírus
25/09/2018 | TIM inaugura sua primeira loja em Mauá no modelo digital
25/09/2018 | CPTR oferece 20 vagas de emprego (25/09)
As mais lidas de Cidade
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6195 dias no ar.