NOTÍCIA ANTERIOR
Turistas pagam até R$ 130 mil de aluguel no Rio durante a Copa
PRÓXIMA NOTÍCIA
Ubatuba inicia maratona de shows até o Carnaval
DATA DA PUBLICAÇÃO 27/01/2014 | Turismo
Igreja no México resiste há 70 anos semienterrada por lava de vulcão
Entre 1943 e 1944, uma erupção fez com que vilarejo fosse abandonado.

Visitas ao monumento ainda podem ser feitas a pé ou a cavalo.


A igreja do vilarejo San Juan Parangaricutiro, no estado de Michoacán, no centro-oeste do México, foi abandonada às pressas em 1944 pelos moradores do local, que fugiam da lava do vulcão Parícutin, que surgiu em 1943, em plena atividade. Hoje, com o vulcão dormente há décadas, a região virou ponto turístico e sítio arqueológico, principalmente a igreja, que ainda segue parcialmente enterrada pela lava endurecida. As casas mais baixas ao redor da construção desapareceram.

Segundo um estudo da Universidad Michoacana de San Nicolás de Hidalgo, o vulcão surgiu em 20 de fevereiro de 1943, do meio de uma plantação de milho, e atraiu a visita de diversos cientistas interessados em ver sua erupção. Ele chegou a ter 2.800 metros de altura e ficou ativo até 1949. Em 1952, depois de três anos parado, o vulcão chegou a jorrar lava a alturas consideráveis, mas acabou ficando inativo deste então.

A lava, que agora virou rocha, chegou a cobrir uma área de 18 quilômetros quadrados e afetou diretamente cinco vilarejos ocupados predominantemente por indígenas: Parícutin, San Juan Parangaricutiro, Zirosto, Zacán e Angahuan. Ainda de acordo com o documento, em julho de 1944 mais de 2.500 pessoas participaram de um êxodo para fugir do fenômeno natural, incluindo as populações inteiras de Parícutin e San Juan Parangaricutiro.

A algumas dezenas de quilômetros dali, foi fundada outra vila, chamada de Nuevo San Juan Parangaricutiro. No local onde era o vilarejo de Parícutin hoje fica a cratera do vulcão homônimo.

O Parícutin é considerado pelo governo mexicano o vulcão "mais jovem" do mundo, e já foi incluído em diversas listas das maiores maravilhas naturais do planeta.

Turismo na região
O vulcão fica a 150 quilômetros da cidade de Morelia, a capital do estado de Michoacán e também uma atração turística –a preservação do centro histórico da cidade fez com que ela fosse eleita patrimônio cultural da humanidade pela Unesco. A cidade mais próxima, Uruapan, é considerada a capital mundial do abacate, muito usado na gastronomia mexicana para fazer o famoso guacamole. Uruapan fica a 37 quilômetros de Angahuan, o vilarejo mais próximo ao vulcão, e a 403 quilômetros do Distrito Federal, onde fica a capital do México.

Uma das formas de chegar até a base do vulcão e as ruínas da igreja é contratando um passeio a cavalo.

Em 2013, o governo de Michoacán anunciou um investimento de 6,5 milhões de pesos mexicanos (mais de R$ 1 milhão) para adequar as instalações nos arredores para o uso de turistas, como a instalação de sanitários e rampas de madeira para facilitar o acesso de pessoas mais velhas até o local.

Por G1, em São Paulo
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Gerais - Clique Aqui
As últimas | Turismo
18/09/2018 | Brasileiros precisarão de autorização de viagem para entrar na Europa a partir de 2021
17/09/2018 | Halloween Horror Nights 2018, do Universal Orlando, já está aberto
31/08/2018 | Campos do Jordão para crianças
As mais lidas de Turismo
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6196 dias no ar.