NOTÍCIA ANTERIOR
Falta de viaturas prejudica atendimento da SAMU em Mauá
PRÓXIMA NOTÍCIA
Alunos de Mauá terão mais tempo de aula no ano que vem
DATA DA PUBLICAÇÃO 11/12/2012 | Cidade
Falta de manutenção em escadão preocupa vizinhos
Falta de manutenção em escadão preocupa vizinhos
Quem mora na Rua Antonia de Oliveira, no Jardim Maria Eneida, em Mauá, sabe como é difícil chegar na Estrada do Carneiro. Isso porque o escadão que liga as ruas, construído há mais de 20 anos, nunca teve manutenção. "Ele foi feito por pressão dos moradores e depois ficou esquecido", explica o serralheiro Cristóvão Nogueira do Nascimento, 59 anos.

Por não ter corrimão e iluminação à noite, o escadão representa perigo para quem o utiliza. Por outro lado, é o acesso mais rápido a escolas, hospitais e mercados da região. "Já caiu gente aqui. Uma senhora quebrou a bacia e ainda está de cama por causa da queda", diz a desempregada Sueli Maria da Silva, 36.

Cristóvão lembra que, desde 2005, os moradores pedem à Prefeitura para que a passagem seja consertada. As tentativas vão desde contato pessoal até abaixo-assinado. "Esse é o terceiro que fazemos e está com mais de 300 assinaturas."

Segundo os vizinhos, na última tentativa de resolver o problema, em novembro, a administração municipal sugeriu que forneceria o material de construção necessário para a manutenção, que ficaria a cargo dos moradores. "Disseram para fazer mutirão, mas todos os homens da rua trabalham fora o dia todo. Como vamos fazer isso?", questiona a funcionária pública Maria Auxiliadora Ferreira da Silva, 56.

A dona de casa Sandra Lucia de Oliveira, 40, expõe a indignação dos moradores com a situação. "A gente paga as contas e a Prefeitura não tem a menor consideração. Temos que brigar por tudo sempre."

A administração municipal informa que uma equipe fará vistoria no local, analisará as condições do espaço para, assim, inclui-lo em projetos futuros de intervenção.

Concreto é encontrado em tubulação e entope esgoto

Morador da Vila Pires, em Santo André, há 20 anos, Sullivan Pella, 45 anos, dono de mecânica de automóveis na Rua Bororós, diz nunca ter tido problemas com o esgoto de seu imóvel. Porém, há dois meses, quando construção de prédio residencial foi iniciada na via, a tubulação começou a entupir toda vez que chove.

Sullivan ouviu do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), que aquele era um problema interno. "Quebrei o chão da casa inteira procurando a bomba de esgoto."

Por não encontrar nada de irregular, o mecânico contatou a autarquia novamente e, quando técnicos foram ao local, encontraram concreto na tubulação. "O único lugar de onde pode ter vindo é da obra aqui do lado", diz Eliane Cristina Lobato, 40, esposa de Sullivan, a respeito dos prédios erguidos pela MZM Construtora. O concreto foi removido, mas o entupimento persiste.

A empresa responsável pela obra afirma que equipe técnica esteve no local e identificou problemas apenas no imóvel de Sullivan. O Semasa, por sua vez, informou que a rede de esgoto foi desobstruída e não há evidências de mais concreto na tubulação, mas que há necessidade de inspeção nas instalações hidráulicas do imóvel para detectar porque o problema continua.

Por Drielly Gaspar - Especial para o Diário
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Setecidades - Clique Aqui
As últimas | Cidade
03/02/2020 | Com um caso em Santo André, São Paulo monitora sete casos suspeitos de Coronavírus
25/09/2018 | TIM inaugura sua primeira loja em Mauá no modelo digital
25/09/2018 | CPTR oferece 20 vagas de emprego (25/09)
As mais lidas de Cidade
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6235 dias no ar.