NOTÍCIA ANTERIOR
Mais de 3 milhões de contribuintes já enviaram declaração do IR
PRÓXIMA NOTÍCIA
Volkswagen investe R$ 200 mi em fábrica de São Bernardo
DATA DA PUBLICAÇÃO 17/03/2016 | Economia
Dólar cai, abaixo de R$ 3,70, com agravamento da crise política
Na véspera, moeda dos EUA recuou 0,63%, a R$ 3,7391.

Mercado reage a desdobramentos da crise política.


O dólar opera em baixa nesta quinta-feira (17), reagindo ao agravamento da crise política após a divulgação de conversa entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a presidente Dilma Rousseff pela qual ela diz a ele que use o termo de posse como ministro-chefe da Casa Civil "em caso de necessidade".

Às 11h, a moeda norte-americana caía 1,82%, vendida a R$ 3,6707. Veja a cotação do dólar hoje.

Às 9h10, queda de 1,95%, a R$ 3,6659.
Às 9h29, queda de 1,84%, a R$ 3,6701.
Às 9h50, queda de 2,13%, a R$ 3,6594.
Às 10h09, queda de 2%, a R$ 3,6643.
Às 10h39, queda de 1,64%, a R$ 3,6777.

Já a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) opera em forte alta, reflexo do agravamento da crise política.

Na véspera, o dólar caiu 0,63%, vendido a R$ 3,7391, após atingir R$ 3,8542 na máxima do dia. Na semana, a moeda acumula alta de 4,12%. Em março, contudo, o dólar recua 6,6% e, no acumulado de 2016, cai 5,59%.

O ex-presidente Lula tomou posse como ministro da Casa Civil nesta quinta-feira. Para analistas e economistas ouvidos pelo G1, a entrada de Lula adiciona mais dúvidas e incertezas na economia. O mercado não descarta mudanças de direção na economia e enxerga riscos de uma guinada à esqueda da política econômica, com medidas na direção contrária ao ajuste fiscal.

Os investidores aguardam, no entanto, sinais mais claros de quais serão os próximos passos no cenário político. Veja repercussão econômica sobre Lula ministro da Casa Civil.

O momento, segundo analistas, é de forte especulação, sem um direcionamento claro, pautado tanto pelo cenário externo quando pelo quadro político conturbado.

Atuação do BC
Nesta manhã, o Banco Central fará mais um leilão de rolagem dos swaps que vencem em abril, que equivalem a US$ 10,092 bilhões, com oferta de até 9,6 mil contratos.

Por G1, em São Paulo
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Gerais - Clique Aqui
As últimas | Economia
25/09/2018 | Operação mira sonegação de R$ 100 mi de grupos cervejeiros e cerca Proibida
25/09/2018 | Greve na Argentina cancela voos no Brasil nesta terça-feira
25/09/2018 | Demanda por GNV aumenta até 350% após alta na gasolina
As mais lidas de Economia
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6196 dias no ar.