NOTÍCIA ANTERIOR
Projeto educacional incentiva guarda responsável e promove feira de adoção
PRÓXIMA NOTÍCIA
Dia do Consumidor: Procon Diadema realiza atendimento no Shopping Praça da Moça
DATA DA PUBLICAÇÃO 14/03/2018 | Setecidades
Calçadas são tomadas por mato alto em Ribeirão Pires
Calçadas são tomadas por mato alto em Ribeirão Pires Alunos da EE Mário Alexandre Faro Nieri, na Estância Noblesse, têm de caminhar pela rua. Foto: Claudinei Plaza/DGABC
Alunos da EE Mário Alexandre Faro Nieri, na Estância Noblesse, têm de caminhar pela rua. Foto: Claudinei Plaza/DGABC
Preocupados com a segurança dos pedestres, moradores de Ribeirão Pires cobram a limpeza de calçadas localizadas nos bairros Estância Noblesse e Suíssa. A maior parte das reclamações está relacionada aos problemas nas ruas Granada e Francisco Carvalho, tendo em vista que são caminhos obrigatórios para estudantes de unidade escolar estadual da área – EE Mário Alexandre Faro Nieri.

Ao observar as duas vias públicas não é possível identificar as calçadas, cobertas por mato. O maquinista aposentado Judicaeu Brito Neves, 86 anos, diz que a Prefeitura limpa os bairros uma vez por ano. “Esse matagal chega a ficar até um ano e meio sem ser cortado. Minha filha leva minha neta de carro à escola, pois não confia em deixar a menina ir sozinha”, destaca.

A professora aposentada Sônia Bertoni, 65, é mais enérgica ao denunciar o cenário. Isso porque, segundo ela, os veículos trafegam em alta velocidade pelas ruas, o que pode provocar acidentes com as crianças. “Tenho medo de que aconteça alguma tragédia”, ressalta a moradora da Rua Luis Pelegrini.

A professora aposentada observa que os estudantes, com idade entre 6 e 14 anos, são obrigados a caminhar pelo meio da rua. Sônia diz que, na semana passada, ficou sabendo de criança que teve o pé atropelado, o que serviu para ampliar o alerta sobre a situação.

Questionada pela equipe do Diário, a Prefeitura de Ribeirão Pires destacou que a manutenção das calçadas localizadas em frente a terrenos particulares são de responsabilidade dos proprietários e que o município aplica multas aos munícipes cujos passeios estejam em condições inadequadas. Não foi informado, entretanto, se houve fiscalização nos dois bairros citados e se serão tomadas providências em relação a autuações.

Por Bianca Barbosa - Especial para o Diário
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Setecidades - Clique Aqui
As últimas | Setecidades
25/09/2018 | Acidente na Tibiriçá termina com vítima fatal
25/09/2018 | Santo André quer tombar 150 jazigos de cemitérios municipais
21/09/2018 | Região ganha 13 mil árvores em um ano
As mais lidas de Setecidades
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
06/04/2020 | Atualização 06/04/2020 do avanço Coronavírus na região do ABC Paulista
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6240 dias no ar.