NOTÍCIA ANTERIOR
Mauá retomará obras de urbanização do Cerqueira Leite
PRÓXIMA NOTÍCIA
Mauá vacina 40 mil contra a gripe
DATA DA PUBLICAÇÃO 11/05/2017 | Cidade
Braço direito de Atila assume Transportes
Braço direito de Atila assume Transportes Foto: Anderson Silva/DGABC
Foto: Anderson Silva/DGABC
João Gaspar (PCdoB), homem forte da gestão do prefeito de Mauá, Atila Jacomussi (PSB), foi nomeado ontem para o comando interino da recém-criada Secretaria de Transportes. O comunista acumulará a função com a Pasta que já chefia, de Governo.

Antes atrelado à Secretaria de Mobilidade Urbana, o setor que gerencia as políticas referentes ao transporte no município passou a ter estrutura própria no primeiro escalão com a reforma administrativa aprovada pela Câmara no mês passado. O governo também tornou oficial o desmembramento da área de Cultura, então ligada à de Esportes – o Diário antecipou na terça-feira a contratação de Cláudia Crepaldi (PCdoB) como secretária.

“Já que Transportes é uma Pasta nova, vamos fazer reestruturação do ponto de vista dos objetivos da secretaria, que será tratar da questão do transporte na cidade, seja coletivo ou individual ou escolar”, frisou Gaspar, ao emendar que a prioridade será findar com o transporte clandestino na cidade, tanto coletivo quanto escolar. “Precisamos de uma legislação específica que crie punição ao transporte irregular e possa combater isso”, citou.

À frente de Transportes e de Governo, Gaspar deverá gerir também o processo de construção de dois terminais (jardins Itapark e Zaíra) e a reforma do Itapeva. Recentemente, Atila esteve em Brasília e recebeu sinalização positiva por parte do governo federal de transferência de R$ 33 milhões para as intervenções. O repasse ainda carece do envio de projetos.

O governo também publicou ontem no Diário Oficial a exoneração de 229 comissionados. As demissões ocorrem em decorrência da adequação à reforma administrativa, que estabeleceu a extinção de cargos comissionados. Parte dos apadrinhados, porém, poderá ser readmitida. “Vai depender se eles vão se encaixar nas requisições que cada cargo passou a exigir”, explicou Gaspar.

RETORNO
O governo Atila voltou a dar forças ao ex-secretário de Obras José Carlos Orosco Júnior (PMDB), que deixou o governo em janeiro após acusações de agressão contra a ex-deputada estadual Vanessa Damo (PMDB), sua então mulher.

Indicado por Orosco para substituí-lo na Pasta, Gilberto João de Oliveira (PMDB), que até então chefiava Obras interinamente, foi oficializado como titular do setor. Atila também resgatou o ex-candidato a vereador Sargento Anderson Simões (PMDB), nomeando-o para a chefia da autarquia Hurbam (Habitação Popular e Urbanização de Mauá). O peemedebista foi indicado para comandar Segurança Pública, mas sequer assumiu o cargo.

Na avaliação do núcleo duro do Paço, apesar do desgaste ao governo por conta do caso envolvendo Vanessa e Orosco, os acordos costurados com os peemedebistas durante a eleição precisam ser cumpridos.

Por Júnior Carvalho - Diário do Grande ABC
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Setecidades - Clique Aqui
As últimas | Cidade
03/02/2020 | Com um caso em Santo André, São Paulo monitora sete casos suspeitos de Coronavírus
25/09/2018 | TIM inaugura sua primeira loja em Mauá no modelo digital
25/09/2018 | CPTR oferece 20 vagas de emprego (25/09)
As mais lidas de Cidade
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6234 dias no ar.