NOTÍCIA ANTERIOR
Uber tem vitória na Suprema Corte da Inglaterra e do País de Gales
PRÓXIMA NOTÍCIA
Facebook avisará usuário que tiver conta invadida por governo
DATA DA PUBLICAÇÃO 19/10/2015 | Tecnologia
Aplicativo facilita troca e venda de mercadorias
Aplicativo facilita troca e venda de mercadorias Foto de divulgação
Foto de divulgação
Uma blusa que não lhe agrada mais de repente será útil a uma amiga. Ao mesmo tempo, aquela outra colega pode querer se livrar de um vestido que certamente cairia muito melhor em você. Pensando em facilitar esses “encontros”, a startup de tecnologia Mucca desenvolveu o Bazaap, um bazar virtual em forma de aplicativo no qual se pode trocar ou vender o que está parado em casa ou adquirir uma série de outros itens interessantes.

No app, lançado em setembro, são disponibilizados principalmente roupas e objetos de decoração. Disponível atualmente apenas para plataforma iOS, já conta com cerca 1.000 downloads. O serviço é gratuito.

“Bazares são superlegais, e com o Bazaap qualquer usuário pode participar de um, quando ou onde quiser. Nele você integra seus bazares preferidos, com os temas que mais gosta, ou até mesmo pode criar o próprio bazar e convidar os amigos”, explica a gerente de marketing do aplicativo, Gabriella Müller.

O serviço se assemelha a grupos de Facebook e Whatsapp, porém seu diferencial é a organização do conteúdo. “Ao postar um item, a pessoa já coloca o preço, detalhes e atribui uma hashtag a ele. Dessa forma, ao conversar sobre um produto, mencionando a hashtag, o usuário que o colocou à venda recebe notificações. Se preferir, existe a opção de conversar separadamente com um usuário a respeito de um item e fazer a negociação.”

Além disso, a parte social é um ponto que chama atenção quando o app é comparado a outras ferramentas do tipo. “É através de grupos de amigos que as trocas acontecem, sem o risco de negociar com um desconhecido na internet. Outro ponto relevante é que normalmente seus amigos têm preferências parecidas com as suas, assim a probabilidade de ver apenas coisas que você acha legal e te interessam é muito maior”, completa Gabriela.

A ideia do Bazaap surgiu através da observação de Carlos Sertonani, sócio-fundador do Mucca. Sua esposa trocava roupas com as amigas de trabalho por meio de um grupo no Whatsapp. No entanto, a maneira como elas faziam era improvisada, uma vez que o aplicativo voltado para comunicação não tem essa finalidade. A sacada, então, foi organizar o processo e adicionar ferramentas a uma nova plataforma.

A gerente de marketing ressalta que a startup tem planos de melhorar a ferramenta, adicionando funcionalidades novas. Para ela, a crise financeira pela qual o país passa tende, inclusive, a aumentar a demando pelo app. “Com o mercado em retração e poder aquisitivo diminuindo, os brasileiros vão procurar alternativas para economizar. Trocar aquela blusa que está parada no armário pela bolsa da sua amiga faz você ter um item novo sem gastar nenhum centavo. No caso da venda, ganha um dinheirinho extra e na compra de algo usado, economiza bastante em relação a um produto novo”, finaliza.


Por Marília Montich - Diário OnLine
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Gerais - Clique Aqui
As últimas | Tecnologia
21/09/2018 | Brasileiro fica quase 3 horas por dia assistindo a vídeos online; aumento foi de 135% em 4 anos
19/09/2018 | Sony anuncia PlayStation Classic, versão mini do PS1 com 20 jogos na memória
18/09/2018 | A curiosa razão por que o relógio sempre marca 9:41 nos anúncios da Apple
As mais lidas de Tecnologia
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2022 - Desde 2003 à 7101 dias no ar.