NOTÍCIA ANTERIOR
Liberação da licitação dos ônibus intermunicipais do ABCD aguarda Justiça
PRÓXIMA NOTÍCIA
Parque Salvador Arena recebe feira de adoção de animais
DATA DA PUBLICAÇÃO 25/10/2013 | Setecidades
Alckmin confirma alça do Rodoanel em Ribeirão
Alckmin confirma alça do Rodoanel em Ribeirão Foto: André Henriques/DGABC
Foto: André Henriques/DGABC
O governador Geraldo Alckmin (PSDB) confirmou ontem a construção de alça do futuro Rodoanel Leste em Ribeirão Pires. Em março, o tucano pediu à Artesp (Agência de Transportes do Estado de São Paulo) que realizasse estudos sobre a viabilidade do acesso na cidade. O comandante do Palácio dos Bandeirantes também reconheceu a necessidade de duplicação da Rodovia Índio Tibiriçá.

Em 30 dias, deverá ser concluída análise financeira sobre o empreendimento. Assim, o Estado irá determinar se a obra será feita com recursos públicos ou se a concessionária SPMar – responsável pela construção do Trecho Leste – fará o investimento e a execução do serviço. A estimativa da empresa é que o acesso custe R$ 200 milhões, aproximadamente. Segundo o governador, o projeto está “bem encaminhado”.

Após reivindicação do prefeito de São Bernardo e presidente do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC, Luiz Marinho (PT), Alckmin reconheceu a necessidade de ampliação da capacidade da Índio Tibiriçá. “É evidente que é preciso, sim, fazer a duplicação. Vamos estudar para verificar custos”, afirmou o governador. Não foram dados prazos, mas a definição sobre a realização da obra só será feita após a entrega do Trecho Leste, prevista para março. “Uma parte do trânsito dessa estrada poderá utilizar o Rodoanel como alternativa”, acrescentou.

Caso o Estado não contribua com verba para a duplicação da rodovia, o Consórcio pode incluir o projeto no Plano Regional de Mobilidade, que foi entregue em abril à ministra do Planejamento, Miriam Belchior. O documento aponta necessidade de 157 intervenções, com custo avaliado em R$ 7,8 bilhões. Mesmo que a duplicação da Índio Tibiriçá seja feita sem recursos estaduais, a obra precisa ser aprovada pela Artesp e pelo DER (Departamento de Estradas de Rodagem).

Metrô

O secretário de Transportes Metropolitanos, Jurandir Fernandes, reiterou que o edital da Linha 18-Bronze do Metrô (Tamanduateí-Djalma Dutra) será lançado em 14 dias. O monotrilho, que custará R$ 3,6 bilhões, ligará a Capital a São Bernardo.

Fernandes explicou que a opção de levar a Linha 17-Ouro até Diadema foi feita com base na proximidade do município com a Capital. “Se fosse pela Linha 18, os passageiros de lá teriam que fazer longo trajeto até chegar a São Paulo.” Com a Linha 17, o traçado chega direto ao bairro Jabaquara, na Zona Sul.

Justiça barra licitação da Área 5 da EMTU

Decisão da Justiça Federal impede a licitação da Área 5 da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos), que corresponde ao serviço de linhas de ônibus intermunicipais de todo o Grande ABC. Segundo o presidente da EMTU, Joaquim Lopes, a ação foi movida por um juiz de Manaus em razão da situação financeira de viações que operam na região.

“Como essas empresas estão em processo de recuperação judicial, não podemos lançar o edital. Já movimentamos a PGE (Procuradoria Geral do Estado) para caçar isso”, explicou Lopes. O presidente descartou que o impasse seja motivado por manobras de empresários.

Lopes, entretanto, demonstrou otimismo de que o edital será lançado. Ele descartou, por enquanto, a possibilidade já aventada pela própria EMTU de, caso a licitação seja mais uma vez fracassada, englobar o Grande ABC em outros lotes, acabando com a Área 5.

A consulta pública ao edital foi lançada em setembro. Desde 2006, foram feitas quatro tentativas de licitar o serviço na região, a única da Grande São Paulo onde as empresas operam por contratos precários. Valor estimado do contrato é de R$ 882 milhões, quantia referente à receita ao longo de quatro anos de permissão.

O governador Geraldo Alckmin (PSDB) entregou ontem 50 ônibus articulados com 23 metros de comprimento e 20 trólebus. Todos os veículos são zero-quilômetro e irão circular no Corredor ABD (Jabaquara/Brooklin/São Mateus).

Por Fábio Munhoz - Diário Online
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Setecidades - Clique Aqui
As últimas | Setecidades
25/09/2018 | Acidente na Tibiriçá termina com vítima fatal
25/09/2018 | Santo André quer tombar 150 jazigos de cemitérios municipais
21/09/2018 | Região ganha 13 mil árvores em um ano
As mais lidas de Setecidades
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2020 - Desde 2003 à 6193 dias no ar.