NOTÍCIA ANTERIOR
Versão ''doméstica'' de fliperama de Pac-man custa US$ 2 mil
PRÓXIMA NOTÍCIA
Nintendo lançará ''Super Mario Galaxy 2'' para Wii
DATA DA PUBLICAÇÃO 18/05/2010 | Tecnologia
Acessa SP fortalece inclusão digital no ABC
O governo do Estado anunciou ontem a ampliação da cobertura do programa de inclusão digital Acessa SP em 63% até o fim de 2010. Iniciado em 2007, o Plano de Expansão, que pretende atender a todos os municípios paulistas que manifestarem interesse em ter uma sala, terá 633 postos distribuídos em 557 cidades.

Pesquisa da Fundação Padre Anchieta traça o perfil dos usuários que utilizam lan house: a maioria tem até 24 anos, pertence às classes C e D e, além da troca de mensagens, costuma assistir a vídeos/filmes (23%) e ouvir rádio/ver TV em tempo real (19%).

Acesso na região
No ABC, São Caetano e Mauá já contam com um polo do Acessa SP. Ribeirão Pires assinou a adesão e está em fase de implementação. Em nota, a Prefeitura de Santo André informou que a administração está empenhada em fortalecer o programa de inclusão digital já em andamento e deverá analisar os termos da proposta do programa. Hoje, a cidade oferece conexão nos laboratórios pedagógicos de informática localizados na rede municipal de ensino. Os espaços estão presentes em 67 escolas, sendo 44 Emeiefes e 23 creches, além do Parque Escola, e em dois espaços da Secretaria de Cultura: Casa da Palavra e Chácara Pignatari.

São Caetano cedeu área no Centro de Referência da Juventude para a implementação do Acessa SP em janeiro deste ano. Em contrapartida, o Estado enviou equipamentos de informática para a cidade. Além do programa estadual, o município conta ainda com o Centro Digital do Ensino Fundamental, na avenida Goiás.

Em Mauá, o Acessa SP fica no Jardim Zaíra e dispõe de dez computadores para uso da população. Outros dois telecentros, que juntos somam 48 micros, completam os projetos de inclusão digital. O telecentro, localizado na regiãoda cidade, oferece, além da conexão à internet, 320 vagas para cursos de informática por ano.

Em Ribeirão Pires, segunda beneficiada pela expansão do programa, a prefeitura oferece sinal de internet sem fio na Praça Central e na Vila do Doce. Os munícipes contam ainda com acesso gratuito à rede no telecentro comunitário, na Biblioteca Municipal Olavo Bilac e no Centro de Referência do Idoso, com aulas de informática para a população da terceira idade.

A Prefeitura de Diadema informou, via assessoria, que não está prevista a adesão do município ao programa estadual. A inclusão digital está presente nas 55 escolas da cidade, das quais, 21 já possuem banda larga, e no telecentro na Fundação Florestan Fernandes. As demais serão contempladas pelo Plano Nacional de Banda Larga do governo federal e receberão a nova tecnologia ao longo deste ano.

Até o fechamento desta edição, as prefeituras do Rio Grande da Serra e São Bernardo não souberam informar sobre os programas de inclusão digital e a adesão ao Acessa SP.

Por Vladimir Ribeiro - Diário Regional
Assine nosso Feed RSS
Últimas Notícias Gerais - Clique Aqui
As últimas | Tecnologia
21/09/2018 | Brasileiro fica quase 3 horas por dia assistindo a vídeos online; aumento foi de 135% em 4 anos
19/09/2018 | Sony anuncia PlayStation Classic, versão mini do PS1 com 20 jogos na memória
18/09/2018 | A curiosa razão por que o relógio sempre marca 9:41 nos anúncios da Apple
As mais lidas de Tecnologia
Relação não gerada ainda
As mais lidas no Geral
Relação não gerada ainda
Mauá Virtual
O Guia Virtual da Cidade

Todos os direitos reservados - 2022 - Desde 2003 à 7007 dias no ar.